sábado, 27 de setembro de 2008

MORRE O GRANDE ÍCONE DO CINEMA PAUL NEWMAN.

O ator Paul Newman, protagonista de filmes inesquecíveis, como "Dois homens e um destino" e "A cor do dinheiro", morreu neste sábado de câncer no pulmão aos 83 anos de idade. Uma grande perda para o cinema mundial.

PESQUISA DATAFOLHA: MARTA SEGUE LÍDER COM 37%.

O prefeito Gilberto Kassab (DEM) abriu vantagem de quatro pontos sobre Geraldo Alckmin (PSDB), na disputa por uma vaga no segundo turno das eleições para a prefeitura de São Paulo, segundo pesquisa do Instituto Datafolha.

Divulgada neste sábado (27) pelo jornal “Folha de S.Paulo”, a pesquisa mostra Kassab com 24% das intenções de voto, contra 20% do tucano. Na pesquisa da semana passada, Kassab e Alckmin estavam empatados, com 22% da preferência.

De acordo com o Datafolha, Marta Suplicy (PT) lidera a disputa em São Paulo, com 37% das intenções de voto.

Como a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo, Kassab e Alckmin estariam tecnicamente empatados - o prefeito pode ter entre 22% e 26% e o tucano, entre 18% e 22%. Mas a maior probabilidade, segundo o Datafolha, é que Kassab esteja à frente.

Kassab é o único dos três candidatos com os maiores percentuais de intenção de voto a apresentar crescimento contínuo desde o início do horário eleitoral, em 19 de agosto.

Demais candidatos

Paulo Maluf (PP) passou de 7% para 6%. A vereadora Soninha Francine (PPS), de 3% para 4%. Ivan Valente (PSOL) tem 1%. Ciro Moura (PTC), Levy Fidelix (PRTB), Renato Reichmann (PMN), Anaí Caproni (PCO) e Edmílson Costa (PCB) não alcançaram 1%.

PESQUISA DATAFOLHA: EDUARDO PAES LIDERA COM 29% E GABEIRA CRESCE.

O candidato do PMDB, Eduardo Paes, ampliou de 8 para 11 pontos a vantagem sobre Marcelo Crivella (PRB) e se manteve à frente na pesquisa de intenção de voto do Datafolha para prefeito do Rio.

Divulgada neste sábado (27) pelo jornal "Folha de S.Paulo", a pesquisa mostra Paes com 29% contra 18% de Crivella, tecnicamente empatado com Fernando Gabeira (15%), que cresceu quatro pontos. Jandira Feghali (PC do B) manteve os 13% da pesquisa anterior.

A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. Isso significa que Paes pode ter entre 26% e 32%; Crivella, entre 15% e 21%; Gabeira, entre 12% e 18%; e Jandira, entre 10% e 16%.


O Datafolha ouviu 1.184 pessoas na cidade do Rio de Janeiro entre as últimas quinta (25) e sexta (26). O levantamento recebeu da Justiça Eleitoral o registro RPE 35/2008.

IBOPE RJ: EDUARDO PAES CONTINUA NA LIDERANÇA E GABEIRA CRESCE.

Pesquisa Ibope de intenção de voto para prefeito do Rio de Janeiro, divulgada neste sábado (27), aponta o candidatos Eduardo Paes (PMDB) com 29% e Marcelo Crivella (PRB) com 24%.

O peemedebista oscilou positivamente dois pontos percentuais em relação ao levantamento anterior, quando tinha 27%. Crivella oscilou positivamente um ponto (tinha 23%).

Em razão da margem de erro de três pontos percentuais, para mais ou para menos, os dois candidatos estão em situação de empate técnico, de acordo com o levantamento, contratado pela TV Globo e pelo jornal "O Estado de S. Paulo". Paes pode ter entre 26% e 32% e Crivella, entre 21% e 27%.

PALESTRA NO CEFET.

Hoje estarei compondo a mesa em homenagem ao idoso em evento realizado pelo CDA da Prefeitura de Campos no Cefet. Fui gentilmente convidado pela Drª Débora Casarsa, diretora e médica geriátrica, para proferir algumas palavras acerca do direito dos idosos.

Cláudio Andrade.

810 ADVOGADOS E 04 JUÍZES SÃO CANDIDATOS A PREFEITO.

Dos 15.425 candidatos a prefeito nas eleições deste ano, 810 são advogados e quatro são juízes. Ainda da comunidade jurídica, 597 advogados e três juízes são candidatos a vice-prefeito. Para a Câmara dos Vereadores, 5.444 advogados estão entre os 379.388 candidatos registrados pela Justiça Eleitoral. Já 12 juízes decidiram sair da magistratura para tentar uma vaga nas câmaras municipais. Nenhum dos candidatos declarou que a sua ocupação era de promotor ou procurador de Justiça. Mas sabe-se que há agentes e delegados da Polícia Federal aposentados surfando nas ondas da popularidade da corporação.

Os números do TSE revelam que já não vigora mais a predominância do Direito como curso predileto para legisladores e de quem quer seguir a carreira política. Nestas eleições, há mais médicos candidatos a prefeito do que advogados. Também há mais empresários, comerciantes e agricultores concorrendo ao mesmo cargo. Para o cargo de vereador, há outras ocupações com mais candidatos como professores, servidores públicos, estudantes e motoristas.

FONTE- CONJUR.

TEM LUGAR MELHOR PARA MORAR?

A foto ao lado foi publicada no Jornal o Diário. Achei que ela não poderia passar em branco no blog. Ela refleti muito bem a situação de muitos munícipes. Será que alguém já perguntou aos candidatos o que será feito em termos habitacionais para nossa cidade? Todos prometem conjuntos habitacionais mas não conseguem retirar os moradores das áreas de risco. Sabem o motivo? Os eleitores não acreditam que o projeto irá se realizar. Diante disso, preferem locais insalubres e perigosos à ter que se deslocar e não terem de um teto de verdade.

Cláudio Andrade.

DEPOIS DE CAMPOS, A JUSTIÇA DE CABO FRIO TAMBÉM APREENDE PARTE DO CONTEÚDO DA REVISTA DE ESDRAS PEREIRA.

A Polícia Federal apreendeu na manhã de ontem centenas de cópias de artigo publicado na revista Somos Assim, que estavam em um veículo adesivado do candidato Silvio Lopes. O artigo discorre sobre encontro do prefeito da cidade com praticantes de religiões africanas.

A suspeita é que o material seria distribuído em igrejas e templos religiosos católicos e evangélicos, com suposto objetivo de criar uma comoção entre os religiosos e atingir a imagem do candidato peemedebista.

O veículo teria sido apreendido na Rua Marechal Rondon, em frente à casa de um dos coordenadores da campanha do candidato do PSDB.

A Juíza da 254ª Zona Eleitoral, Clarice de Mota e Fontes, determinou liminarmente a busca e apreensão do material, que afirma que o candidato do PMDB, Riverton, faria de Macaé “a capital do petróleo e do candomblé”, investindo “R$ 250 milhões para a construção de um terreiro de candomblé, nos mesmos moldes da Mãe Menininha do Gantois”.

A determinação da Justiça foi baseada nos artigos 242, 325 e 326 do Código Eleitoral, que proíbem a utilização de material de campanha com elementos pejorativos a religiões, aplicando pena de prisão. A Justiça remeteu os autos para a Polícia Civil.

Editor responsável pela revista, Esdras Pereira ressaltou que a revista não tem circulação em Macaé e que não sabia do uso do artigo. “Não temos distribuição em Macaé. Alguém comprou em Campos e distribuiu lá”, comentou o jornalista.

EX-SECRETÁRIA DE PROMOÇÃO SOCIAL É INOCENTADA PELO TRF.


Com o nome envolvido na Operação Telhado de Vidro, a ex-secretária de Promoção Social, Ana Regina Fernandes, acabou inocentada pelo Tribunal Regional Federal (TRF), que trancou a ação penal contra ela. O caso foi tema de matéria na revista “Consultor Jurídico”, em agosto último, onde mostrou o entendimento da desembargadora Liliane Roriz, falando que as ações de Ana Regina demonstram “tentativa de salvar projetos da secretaria”.
O mesmo entendimento teve o desembargador Messod Azulay, que afirmou não haver motivo para o processa-mento de ação penal: “Tem que separar o joio do trigo. Senão, vamos viver em um estado o de terror”, afirmou.

Segundo a ex-secretária, es-se fato é importante, por tratar-se de uma retratação pelo que ela passou: “Foram momentos muito difícies, mas ficou comprovado que eu apenas lutava pelas pessoas do cartão alimentação e pelas marisqueiras do Farol”.

FONTE- FOLHA DA MANHÃ.










NO DIA DA ELEIÇÃO HAVERÁ PESQUISA.

Zízimo informa que um candidato a Prefeito de uma cidade limítrofe à Pindorândia encomendou uma pesquisa que será realizada entre terça e quarta da semana que vem. O resultado será divulgado somente no dia D. D que pode ser de Desistência, Desespero, Devaneio, Desilusão.......... O importante é a Precisão dos resultados.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

O MUNDO E SUAS VOLTAS.

Zízimo soube agora de fonte segura que, aquele que sempre agrediu de forma desenfreada pode ser encontrado. O informante de Zízimo disse que 72. 14. 207.191 são os números da sorte de quem se acostumou a ser 'pedra', mas não aceita ser 'vidraça'.
O mundo é realmente interessante.

PESQUISA IBPS MACAÉ: RIVERTON MUSSI LIDERA COM 45%.

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Pesquisa Social (IBPS) comprova que o candidato à reeleição para a prefeitura de Macaé, Riverton Mussi (PMDB), tem 45% das intenções de voto. O jornal O Diário Costa do Sol encomendou três pesquisas ao IBPS, realizadas entre os dias 02/09 e 17/09, pondo um fim nas especulações sobre resultados de pesquisas divulgadas no município. A bateria de pesquisas revela folga do candidato do PMDB, Riverton, com vantagem de 22 pontos percentuais à frente do segundo colocado.
A pesquisa mostra que Riverton possui 45% das intenções de voto, seguido do candidato do PV, Aluízio Júnior, com 23%, e em terceiro lugar o candidato do PSDB, Silvio Lopes, com 21%. O tucano Silvio Lopes apresentou a maior rejeição, com média de 25%. A pesquisa revela ainda que o número de eleitores indecisos caiu de 8 para 6 pontos percentuais. Se as aleições fossem hoje Riverton teria mais votos que a soma dos votos do segundo e terceiro colocado.
Em cada uma das três pesquisas, foram ouvidos cerca de 800 eleitores acima de 16 anos em toda cidade, totalizando 2400 pessoas. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. As pesquisas foram registradas no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número 238-EL/08.

JORNAL O DIÁRIO ENTREVISTA ARNALDO VIANNA.

O Diário – Dr. Arnaldo Vianna é candidato?
Arnaldo Vianna –
Candidatíssimo.

OD – Existe um recurso tramitando na Justiça para que o senhor possa continuar na disputa eleitoral. Isso, de alguma forma, abala sua campanha?

AV – Não me abala em nada. Ainda não temos notícia, mas estamos aguardando e pelo que temos acompanhado, não tenho dúvida alguma de que sou candidato.

OD – Qual análise que o senhor faz da atual gestão?

AV – É muito difícil pra eu fazer uma análise mais profunda, porque não fiz parte do governo, em nenhum momento. Participei da campanha e depois, não fiz parte do governo então não posso fazer uma análise mais apurada disso e por não estar lá, no dia a dia. Acho que o governo teve acertos em algumas coisas e falhas em outros, como acontece com qualquer governo. Um governo, por melhor avaliado que seja, sempre sofre críticas. É muito difícil a gente de fora julgar o que acontece dentro de uma máquina administrativa que você não está participando. Prefiro não analisar o governo do Alexandre e sim, pensar o que vou fazer, porque embora eu tenha apoiado Alexandre, Alexandre é Alexandre, Arnaldo é Arnaldo. Eu poderia analisar Alexandre quando ele foi meu secretário de saúde. Prefiro estar falando sobre o que pretendo fazer e não avaliar o Alexandre.

OD – Mas no programa eleitoral, o senhor fala como se quisesse separar a sua imagem do prefeito Alexandre Mocaiber. Existe algum desentendimento entre vocês?

AV - Não. Não existe nenhum desentendimento. Alexandre foi meu colega de infância, estudamos juntos no mesmo colégio, depois na política, trabalhamos juntos no Ferreira, onde eu era diretor geral e ele fazia parte da direção, como diretor clínico. Depois, quando fui prefeito o Alexandre foi secretário de Saúde. Depois que houve a eleição do Alexandre, em que eu participei dela, ganhamos a eleição e depois fui deputado federal e o Alexandre Mocaiber apoiava o Alexandre Cardoso, não me apoiou. Não houve nenhum rompimento, nenhum estremecimento em relação a isso. Mas ele fazia parte do PDT e depois, trocou de partido. Eu continuo no PDT.

OD – Eleito prefeito de Campos, quais serão suas prioridades?

AV - Temos vários setores, mas iniciaremos pelo desenvolvimento social, que engloba a saúde, a educação, cultura, esporte e lazer e geração de empregos. Quero fazer de uma forma que a Educação também promova a saúde. Por isso, diferente do exame biomédico, que era feito no início de todo ano letivo, mas era um exame muito superficial, que media a capacidade física para saber que esporte o aluno poderia praticar. O que pretendo fazer é um exame admissional de saúde, primeiro para os funcionários e depois, para os alunos. Com isso, teremos todo o diagnóstico da saúde dos estudantes desde seu ingresso na escola, e ai poderemos fazer uma prevenção de doenças, fazendo um diagnóstico dos casos e poderemos usar nossos professores para ensinar normas de higiene e de medicina preventiva, em parceria com as faculdades.

OD – E na saúde?

AV - Queremos que o Programa Saúde da Família funcione; que os postos de saúde funcionem 24 horas e o que não é posto, será ambulatório para determinadas especialidades. Queremos que o Ferreira Machado continue com sua vocação que é o atendimento a urgência, emergência e doenças infecto-contagiosas e o Hospital Geral de Guarus (HGG), daremos um tratamento diferenciado, para que além do que já faz hoje, possa atender também a urgência do lado de Guarus, para isso vamos ampliá-lo para que atenda também a urgência. O Hospital São José, já temos um projeto preparado para fazer um novo hospital, nos mesmos moldes do HGG, atendendo a tudo e mais a urgência da Baixada. O Hospital do Farol de São Thomé existe e teríamos uma parceria com a Petrobrás para ampliar o hospital, criando uma grande unidade de tratamento de queimados, para atender de uma forma geral e aqueles que sofrem queimaduras nas plataformas. Seria uma unidade macro. O hospital de Travessão daríamos um choque de gestão para que atenda em conjunto com o de Morro do Coco e o de Santo Eduardo, toda a região norte do município.
OD – Na educação, o senhor fala em seu programa eleitoral em construir mais escolas e mais creches. Hoje, um fato comum espalhado pelo município são creches e escolas que funcionam em imóveis alugados. O que o senhor pretende fazer com relação a isso?

AV - Temos projetos de construção de estruturas próprias. Se tiver aquisição, terá que ser num prédio preparado para funcionar como creche ou escola, caso contrário, construiremos. Isso, em todo o município.

OD – E a preparação do jovem para o mercado de trabalho?

AV - Colocaremos nas escolas o ensino técnico profissionalizante para que o jovem, ao sair da escola, tenha duas opções: dar segmento aos estudos indo para uma universidade ou já sair dali com um ofício, que vai de encontro com nossa política de desenvolvimento. Esses jovens poderão disputar o mercado de trabalho sobretudo nessas indústrias que vêm para Campos através de incentivos do Fundecam. Para todas, vamos criar uma cláusula no contrato do Fundecam para que elas aproveitem a mão-de-obra desses técnicos formados nas escolas do município.

OD – Existe algum projeto de desenvolvimento para o interior do município?

AV - Foi construído um porto em São João da Barra, na Praia do Açu e nós queremos uma interligação desse porto com o complexo portuário da Barra do Furado. Esse projeto já está em desenvolvimento para que ali, nós possamos atender as plataformas, ter um estaleiro para construção e reparos tanto das plataformas quanto de embarcações. Para isso, teremos que investir na infra-estrutura da Baixada, revendo a questão da pavimentação das estradas. Logicamnte com esse desenvolvimento do complexo portuário, outras demandas surgem. Nós em Campos carecemos de um aeroporto para atender esse crescimento.

OD – Mas e o Aeroporto Bartholomeu Lysandro?

AV - Ele tem algumas características e não deixaria de existir, mas para pequenas aeronaves. Já mantivemos contato com a Infraero e próximo ao heliponto do Farol de São Thomé, nós teríamos a construção de um aeroporto para receber aeronaves de grande porte. Continuaria o heliponto mais o aeroporto da praia do Farol. Mais um aeroporto, leva a perceber um crescimento importante para a Baixada e os empresários começam a ver isso enxergando também a necessidade de investir, o que acaba gerando empregos.


OD - Para o Fundecam, existe algum projeto?

AV – Queremos colocar uma cláusula para que as empresas que se beneficiarem do fundo, dêem prioridade a contratação da mão-de-obra local. No Fundecam, também teremos um braço que seria o Banco do Povo, para os pequenos negócios. Porque hoje, a filosofia do Fundecam são os grandes negócios, portanto, teríamos um setor como se fosse um banco em que pessoas com pequenos negócios, possam contar com esse recurso para investir em seus empreendimentos. Vamos criar o projeto Nova Empresa, para legalizar os comércios informais em Campos. Criar uma área específica para os ambulantes, que hoje ocupam desordenadamente o centro da cidade.

OD – E quanto ao Mercado Municipal?

AV – Numa determinada época, interpretaram errado o que a gente falava. Nós vamos reformar o mercado municipal e lógico, em determinado momento, eles vão ter que ocupar outro espaço para que se faça a obra. O prédio do mercado talvez seja um dos mais bonitos de Campos, só que está escondido. Perigoso, por causa da rede elétrica, que é muito antiga. É um risco para todos e se houver um acidente, pode causar uma grande tragédia. Outra questão seria um estacionamento no mercado, que não existe. Poderíamos aproveitar o Alberto Sampaio para isso, fazendo uma área de escape e aproveitando um espaço ocioso.

OD – Algum projeto para o centro da cidade?

AV – Projeto de apoio e reforma do centro. A revitalização do comércio da área central, acompanhando a evolução. Dentro disso tudo, vamos priorizar as compras da prefeitura no comércio e na indústria de Campos.

OD – Seria adquirir mercadorias produzidas aqui?

AV – O que for produzido aqui, será adquirido pela prefeitura. Seja para a merenda, o próprio uniforme escolar. Porque comprar uniforme das nossas crianças ou mandar confeccionar fora de Campos, se temos aqui várias confecções que podem fazer isso? Para valorizar nossos produtos, vamos realizar eventos e feiras, como já fizemos a Feira de Ponta de Estoques, incentivando o comércio local com o apoio da prefeitura.

OD – E o turismo?

AV – O turismo também mexe com o comércio, com várias vertentes. Aqui temos o turismo de praia, de serra, turismo rural. Temos fazendas antigas que podemos explorar, Lagoa de Cima, Imbé, lógico que, com todo cuidado ambiental, além de criar o turismo de negócios, com a realização de feiras.


OD – Para a Baixada, existe um projeto específico?

AV – Na Baixada, nós temos muita plantação de cana de açúcar. Esse setor precisa de um apoio fundamental. Tenho conversado lá em Brasília sobre essa questão e o governo federal vai investir pesado aqui.

OD – Quanto às usinas, algum projeto para evitar que mais delas fechem as portas?

AV- A exemplo da Coagro, precisamos ajudar outras usinas através de incentivos do Fundecam para que voltem a produzir com sua capacidade normal e não fechem, como muitas já fizeram.

OD – Falando em cana-de-açúcar, entra a questão dos canais. O que o senhor pretende fazer para recuperá-los?

AV – Já entrei em contato com o governo do estado, para que através de parceria com a prefeitura, possamos revitalizar todos os canais para promover a irrigação, principalmente na Baixada, que é o local que mais sofre com a questão.

OD – Transporte é um dos grandes problemas do município. Qual projeto destinado ao setor?

AV – Nós temos que ver o transporte coletivo e o transporte de massa. No transporte coletivo queremos a modernização da frota, cobrando dos empresários que cumpram o itinerário e que se integrem ao novo modelo de transporte que nós vamos criar.

OD – Seria o polêmico metrô de superfície?

AV – Porque polêmico? (risos) Por que tomaram um susto na realidade. O metro de surperfície existe na Europa e em algumas cidades aqui no Brasil, como em Curitiba. O metro não é transporte coletivo, é transporte de massa. Há uma diferença. Talvez as pessoas ainda não tenham entendido isso. Primeira coisa é a questão do custo para o usuário. Por exemplo, você saiu de Campos querendo ir para a Baixada. O metro de superfície vai até Goitacazes, você pagou a passagem, mas na realidade você queria chegar a Tocos e o metrô não vai lá. Você então vai pagar apenas uma passagem. Quando chegar em Goitacazes, com aquela mesma passagem, vai pegar um ônibus que vai levá-la a Tocos, com apenas uma passagem, num sistema integrado. São 15 estações com tarifa única, todas com bicicletário e pequenos comércios, além da preservação da ciclovia.

OD – O projeto já foi orçado? Qual o tempo de conclusão?

AV – Talvez a grande preocupação das pessoas seja com relação ao custo e ao tempo. Toda essa estrutura é pré-moldada, sendo de uma instalação rápida. Nós vamos fazer em tempo recorde. O metro será custo zero para a prefeitura. Não vamos desembolsar um tostão, porque vai ter uma concessão e quem ganhar vai construir o metrô de superfície. Não basta ter o trem, tem que construir toda a estrutura. Vamos apresentar o projeto, criar prazo de execução e a concessão para quem vai explorar. Isso tudo vai estar integrado a um grande sistema, que é o metrô de superfície e o transporte coletivo, dando um salto de qualidade na questão de transporte.

OD – O senhor falou que tem projetos para o setor administrativo. O que seria?

AV – Fazer um novo regimento interno e a reforma administrativa da prefeitura, criando e agrupando alguns órgãos, e extinguindo outros. Preparação do trabalhador e criação de novo estatuto do servidor. Admitir, imediatamente, os aprovados do último concurso, concluir o Plano de Cargos e Salários; e uma notícia boa é que vamos concluir o pagamento do FGTS das categorias que optaram pelo regime único em 1997.

OD – Existe algum projeto que o senhor deixou de executar na sua última gestão e que pretende fazer se eleito prefeito?

AV – Existe sim. O que eu não fiz a época foi transformar o Hospital de Goitacazes no hospital que quero fazer agora. A ordenação do trânsito e a questão da iluminação pública, melhorando e começando a fazer com que a fiação seja embutida, subterrânea, porque existem muitos acidentes, sobretudo nos bairros periféricos.

O POLÍTICO, AS MAZELAS E O ELEITOR.


O Político é um ser curioso. A grande maioria sempre se esquivando dos principais problemas sociais. O político que vemos no final da fila é o típico oportunista. Aquele, que na tocaia, espera o eleitor e lhe promete a salvação social. O eleitor da foto, acaba de ler a reportagem do IBGE, onde a expectativa de vida aumenta. Acredito, que para o idoso eleitor da foto, é mais fácil prorrogar a vida, à acreditar que a violência, o trânsito ou o Sistema Único de Saúde melhore com propostas mágicas.

Cláudio Andrade.


MORRE O SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO DE SÃO FRANCISCO DO ITABAPOANA.

Manoel Carlos da Silva que respondia pela Secretaria Municipal de Administração da prefeitura Municipal de São Francisco de Itabapoana-RJ, faleceu, há cerca de 1 hora, no Hospital Doutor Beta onde estava internado. Manoel Carlos estava na UTI – Unidade de Tratamento Intensivo – daquele hospital se recuperando de uma cirurgia de ponte de safena. Estamos aguardando informações dos familiares a respeito do local do velório e horário do sepultamento. (Foto do site da prefeitura de SFI).
FONTE- BLOG DO PAULO NOEL

LULA SANCIONA LEI QUE REGULA ESTÁGIO PROFISSIONAL.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei 11.788, de 25/09/2008, publicada no "Diário Oficial da União" desta sexta-feira (26), que regulamenta o estágio profissional.
A lei que entra em vigor nesta sexta limita a carga horária dos estudantes, prevê bolsa-auxílio e vale-transporte também para os casos de estágio não obrigatório e férias remuneradas de 30 dias.

Carga horária
A lei estabelece jornada máxima de seis horas diárias e 30 horas semanais para os estudantes de ensino superior, educação profissional e ensino médio. No caso de estudantes de educação especial e dos anos finais do ensino fundamental (na modalidade de educação de jovens e adultos), a carga horária máxima é de quatro horas diárias e 20 horas semanais. O estágio na mesma empresa ou instituição não poderá durar mais de dois anos e o estudante deve ser indicado apenas para atividades compatíveis com sua grade curricular.
Os contratos podem ser superiores a dois anos quando os aprendizes foram portadores de alguma deficiência. Se essa regra for descumprida, os agentes de integração entre empresas e instituições de ensino serão responsabilizados civilmente.


Tipos de estágio
O estágio poderá ser obrigatório (quando a sua carga horária for requisito para aprovação e obtenção de diploma); ou opcional, dependendo do projeto pedagógico do curso. Tanto em um caso quanto em outro, o estágio não criará vínculo empregatício, desde que sejam observadas as regras previstas no termo de compromisso assinado entre o aluno, a empresa ou entidade que ofereça o estágio e o estabelecimento de ensino.
Mas se as regras forem desobedecidas pela empresa, ficará caracterizado esse vínculo para todos os fins da legislação trabalhista e previdenciária.

Férias
É assegurado ao estagiário, sempre que o estágio tenha duração igual ou superior a um ano, período de recesso de 30 dias, que deve ser tirado de preferência durante as férias escolares. As férias devem ser remuneradas caso o estagiário receba bolsa-auxílio.

Empregador
Poderão oferecer estágios empresas privadas, órgãos da administração pública direta, autarquias e fundações de todas as esferas e poderes, além de profissionais liberais de nível superior devidamente registrados em seus respectivos conselhos de fiscalização profissional. A lei ainda estipula o número máximo de estagiários em relação ao quadro de funcionários das empresas ou entidades que oferecem o estágio. Se a empresa tem de um a cinco empregados, o máximo é de um estagiário; de seis a dez funcionários, até dois estagiários; de 11 a 25 empregados, até cinco estagiários; e acima de 25 funcionários, até 20% de estagiários.
Quem contratar estagiários terá que indicar pelo menos um supervisor para cada grupo de dez aprendizes. Continua proibida qualquer cobrança do estagiário pelos agentes de integração entre as empresas e as instituições de ensino. Cabe a esses agentes encontrar oportunidades de estágio, fazer o acompanhamento administrativo do contrato e encaminhar as negociações de seguros contra acidentes pessoais.

O HOMOSSEXUALISMO. QUAIS OS MOTIVOS DE TANTA HOMOFOBIA?



Laci de Araújo, o sargento do Exército que assumiu ser gay, acabou de ser condenado a seis meses de prisão por deserção na sessão da 11ª Circunscrição Judiciária Militar (CJM), primeira instância do Superior Tribunal Militar (STM). Ele teria faltado o trabalho por oito dias sem ter dado uma justificativa prévia por motivos de saúde.
OPINIÃO DO BLOG.
O homossexualismo sempre foi um tabú para as Forças Armadas e para a Igreja. Quando implantei na Candido Mendes o tema "Parcerias Homoafetivas", foi muito difícil convencer meus alunos a trabalharem o tema. Interessante é que nos estudos, foi possível constatar que na Igreja e nas Forças Armadas o homossexualismo é enorme, entretanto, a simbologia da fé e das armas faz com que essa opção sexual seja discriminada. Vale dizer, que homossexualismo não vem de 'homem', como muitos acham e sim de 'iguais'. O homossexual não tem repugnância ao próprio corpo, ele simplesmente deseja parceiros do meu sexo. O transsexual, já tem rejeição de seu corpo, logo desejam, modificá-lo, para que o mesmo fique cada vez mais parecido com o sexo que deseja se assemelhar.
Cláudio Andrade.

BLOG DO XACAL CRITICA POSTAGEM DO BLOG.

Bem! nem tudo são flores. Segue os dizeres do senhor(a) Xacal.

"Esse é o título de uma postagem do blog do Cláudio Andrade...

Mas o que assusta é o conteúdo, ainda mais quando se trata de um advogado, que se diz comprometido com os direitos humanos e a promoção da Justiça...

O pequeno post traz uma alusão a uma possível "inferioridade" cultural dos eleitores que os leva a serem "seduzidos" por maus politicos...

A figura de linguagem infeliz que o advogado usa é : eleitores tratados como "índios"...

Esse argumento fascista da hierarquização cultural é uma das bases dos genocídios cometidos ao redor do mundo, e ao longo da história...

E por cruel coincidência, os "civilizadores", detentores do saber e das tecnologias, sempre foram os responsáveis pela aniquilação do outro...

Cremos não haver culturas inferiores, e sim culturas diferentes...

Mas o democrático e polido "dotô" não parece concordar...Realmente, nem tudo é o que parece...

Confira o post....lastimável..."

OPINIÃO DO BLOG.

Bem! não sei se o nobre colega Xacal faria o mesmo. Todavia, estou publicando a sua simpática postagem acerca de minhas opiniões. Só não entendi o "dotô". Com relação ao quadro dos índios, ele realmente não entendeu. Vamos respeitar.

70 MIL ACESSOS. VAMOS SEGUINDO JUNTOS E IMPARCIAIS. OBRIGADO INTERNAUTAS.

Os acessos aumentaram sensivelmente. Os últimos dez mil acessos foram praticamente em uma semana. Isso me deixa feliz, mas com uma grande responsabilidade, pois informar com qualidade e imparcialidade em ano eleitoral por exemplo, requer muita determinação. Que Deus me ajude a caminhar sempre em frente e de forma racional, não deixando as emoções interferirem nas minhas postagens.

COLUNA PONTO FINAL DESQUALIFICA O INSTITUTO PRECISÃO.

O jornalista Aluysio Cardoso Barbosa disse hoje em sua coluna que o Instituto Precisão: Palavras do Jornalista: "Por trabalhos anteriores não é merecedora de confiança dos eleitores esclarecidos".

OPINIÃO DO BLOG.

Inicialmente, acredito que o jornalista cometeu dois atos falhos que podem redundar em ações judiciais e crime de preconceito. A primeira, versa na questão do Instituto. Dizer que o mesmo não tem credibilidade é um ato passível de uma Ação reparatória de Danos Morais. Lógico que não temos obrigação nenhuma em acreditar nas pesquisas do Instituto, entretanto, atacar sua credibilidade na imprensa é temeroso e claramente passível de reparação moral.

A segunda trata-se da seguinte expressão: "eleitores esclarecidos". O jornalista limita os cidadãos em esclarecidos e não esclarecidos. Ato extremamente inconveniente, pois apesar das gritantes diferenças de classe devemos sempre respeitar os limites de cada um.

Cláudio Andrade.

COLUNA PONTO FINAL DA FOLHA DA MANHÃ SEM VERSÃO ON LINE.

A Folha da Manhã de hoje não disponibilizou até o presente momento, a coluna "Ponto Final" do nobre jornalista Aluysio Cardoso Barbosa. Algum motivo especial?

MOROSIDADE PODE VIABILIZAR CANDIDATURA DE ARNALDO VIANNA.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não julgou ontem, último dia estipulado pelo calendário eleitoral para que todos os recursos sobre registros de candidatos estivessem julgados pelo órgão, o recurso do candidato do PDT à Prefeitura de Campos, Arnaldo Vianna.
Na noite de quarta-feira, a Procuradoria Geral Eleitoral (PGE) encaminhou ao TSE o parecer, onde recomendou que seja negado o registro do candidato. De acordo com o parecer, o argumento da defesa de Arnaldo de que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) não apreciou as alegações apresentadas não é válido. O motivo seria porque, não seria possível por meio do recurso apresentado, discutir sobre os motivos que levaram o Tribunal de Contas da União (TCU) e Tribunal de Contas do Estado (TCE) a rejeitarem as contas do então prefeito. Para examinar a questão, ainda segundo o parecer, seria necessário uma nova análise de provas, o que é impossível por meio de recurso especial.
O recurso eleitoral, agora, está sendo analisado pelo ministro Eros Grau, relator do caso.

OPINIÃO DO BLOG.

Não se trata de torcer ou não pela impugnação do registro de Arnaldo. Entretanto, a morosidade processual e a possibilidade do deputado federal ser eleito sem registro é um absurdo. Entendam! o que me deixa indignado e deveria deixar também o próprio candidato, é a sensação de impunidade reinante no país. A alegação dos ministros que colocam a culpa na quantidade de processos é pura balela. Quem realmente perde com isso tudo são os eleitores de Arnaldo que, apesar de votarem nele, não terão uma definição acerca da legalidade de um possível mandato.

Cláudio Andrade.

PT INDO PARA O PC do B.

Em ascensão nas pesquisas eleitorais, a candidatura da professora Odete Rocha (PC do B) recebeu, ontem, um apoio de peso: o médico Makhoul Moussallem se desfiliou do Par-tido dos Trabalhadores (PT), onde estava há quatro anos, para participar “de corpo e alma” da campanha da professora, que foi sua vice na disputa à Prefeitura em 2006. O anúncio foi feito ontem, na sede do PC do B, no Centro de Campos, onde também anunciaram apoio a Odete, o professor e diretor do Sepe, Fábio Siqueira, e o coronel Almir Porto, que também deixou o PHS para ingressar na candidatura do PC do B.
Makhoul lembou que sua luta teve início em 2004 e, em 2006, teve Odete como sua companheira de chapa.
— Contruimos uma relação de respeito mútuo, de amizade. Continuei no PT, mas o partido tomou uma posição equivocada e, dentro de meus princípios éticos e morais, jamais poderia deixar de estar ao lado de Odete — explicou.
O médico afirmou que, como cidadão de Campos não poderia deixar de participar deste momento, classificado pelos presentes como “histórico”: “Tenho certeza que hoje, aqui, está consolidada a verdadeira via do resgate para a administração pública voltada para a população e do resgate do município de Campos”, ressaltou o ex-petista.

FONTE- FOLHA DA MANHÃ.

PREFEITO DE CARAPEBUS É ASSALTADO.

O prefeito de Carapebus, Rubens Vicente (PMDB), foi rendido por quatro homens armados quando chegava em seu sítio, na tarde de ontem. Ele estava acompanhado do motorista e do segurança. A assessoria do prefeito disse ontem acreditar que o crime não tem conotação política. Com ou sem motivação política, essa é a terceira vez que o prefeito sofre assalto — duas delas no mesmo sítio, na localidade de Pindobas, limite entre Quissamã e Carapebus.

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

EM CAMPOS UMA REUNIÃO DO LEGISLATIVO SERIA POSSÍVEL EM PLENA CAMPANHA?

Os candidatos a Presidente dos Estados Unidos da América paralisaram as suas campanhas para que, no Senado, possam acompanhar o desenrolar da enorme crise americana que vai dando a Obama a cadeira máxima da Casa Branca. Em Campos será que algum vereador suspenderia a sua campanha diante de um surto de dengue, PSF ou contratados? Com a palavra os meus amigos internautas.

DR. MAKHOUL MOUSSALLEM FORA DO PT.

O médico e candidato à prefeito de Campos em 2004 e 2006, Dr. Makhoul Moussallem, anunciou hoje (25/09) sua desfiliação do Partido dos Trabalhadores (PT).
O anúncio aconteceu em ato de adesão de lideranças políticas a campanha da Professora Odete, realizado na sede do PCdoB. Além de Makhoul, estiveram presentes no ato e declararam apoio à Odete, o sindicalista e petista Fábio Siqueira, o ex pré-candidato à prefeito de Campos pelo PHS, Coronel Almir Porto e outras lideranças expressivas. "Não vou dizer que essa é a terceria via, porque Odete é a verdadeira via, a única capaz de mudar a política de Campos", declarou Makhoul.

FONTE- BLOG DO FABIANO SEIXAS.

OPINIÃO DO BLOG.

A saída de Makhoul não agrega muita coisa à Odete Rocha. A expressiva votação de Makhoul na última eleição foi fruto de um momento histórico de indignação popular. Após a mal explicada ida para o Governo Mocaiber de seus companheiros, com o seu aval, sua representatividade perdeu um pouco de brilho. Gosto de Makhoul, mas em termos de voto, não vejo relevância, a sua adesão a campanha da nobre professora Odete.

Cláudio Andrade.

DEMORA DO TSE PODE BENEFICIAR CANDIDATOS.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou cerca de 1,5 mil dos 3,3 mil recursos relacionados a registros de candidatura que chegaram à Corte até agora. Estão sendo analisados recursos de candidatos, do Ministério Público e de opositores dos registros. Com o grande número de impugnações e contestações judiciais, desde o início do mês, o tribunal decidiu fazer sessões extraordinárias para julgar os processos.

CANDIDATO A VEREADOR É ASSASSINADO COM 22 TIROS.

Um candidato a vereador por Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, foi morto na tarde desta quinta-feira (25) com 22 tiros. Segundo a polícia, ele foi atingido pelos disparos no bairro de Torres, Centro do município.

A vítima, identificada como Antônio Carlos Souza Silva, de 47 anos, chegou a ser levada por policiais ao Hospital da Posse, mas morreu antes de dar entrada na unidade. O candidato também era conhecido como Lourinho.

De acordo com a polícia, quatro criminosos encapuzados teriam participado da ação e fugido após os disparos em um carro. A polícia ainda não tem pistas da motivação do crime.

O PPS, partido do candidato, lamentou o episódio e deseja que sejam feitas todas as investigações para encontrar e punir os envolvidos. Segundo o partido, política se resolve com política e não com violência. O PPS acredita que a morte de Antônio Carlos tenha causas políticas.

PROCURADORIA GERAL ELEITORAL EMITE PARECER CONTRÁRIO AO REGISTRO DE ARNALDO VIANNA.

Chegou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) parecer da Procuradoria Geral Eleitoral (PGE) desfavorável ao recurso em que o deputado federal Arnaldo França Vianna (PDT-RJ), pede para continuar concorrendo ao cargo de prefeito em Campos, Rio de Janeiro.Ele teve suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado e pelo Tribunal de Contas da União e alega que o julgamento deve ser considerado nulo.O parecer é no sentido de não aceitar o recurso. Segundo a PGE, o argumento do deputado de que o Tribunal Regional não apreciou nenhuma das alegações apresentadas por ele não deve ser aceito. Observou que é impossível por meio deste recurso a discussão acerca dos motivos que levaram o Tribunal de Contas da União e o Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro rejeitarem as contas de Arnaldo França.Para examinar a questão, segundo o parecer, seria necessário nova análise de provas, o que é impossível por meio de recurso especial.O caso ainda será julgado pelo relator, ministro Eros Grau (foto).Processo relacionado: Respe 32365.
FONTE- STF.

MILHÕES CERTOS PARA O DIA D.

Zízimo soube de uma fonte segura demais uma grande informação. Em um município limítrofe com Pindorândia uma grana forte vem sendo preparada para o dia D. O Primeiro está sendo ajudado por aquele, que devido a sua última atitude, foi apelidado de BOPE: "Pede para sair". Mesmo assim vai disponibilizar Um milhão de coisas boas no dia D. O outro candidato, que tem tem uma Saúde perfeita, vai ter disponibilizado Um milhão e meio de coisas boas. No total, o município limítrofe, apesar de pobre, terá circulando no dia D, DOIS MILHÕES E MEIO DE MOTIVOS. Vai ser interessante.

DEBATE NA RECORD CONFIRMADO.

A TV Record anuncia para o próximo domingo, dia 28, debate entre os seis candidatos a prefeito de Campos. Começa as 20.30h e termina as 22.30h. Obviamente, todos no município sabem que os candidatos são: Odete Rocha (PCdoB), Marcelo Vivório (PRTB), Graciete Santana (PCB), Rosinha (PMDB) e Arnaldo Vianna (PDT).
RETIFICANDO: PAULO FEIJÓ TAMBÉM ESTARÁ NO DEBATE.

AS MOSCAS E A ÁGUIA.

Não restam dúvidas de que nós devíamos nascer para sermos Águia. Possuímos características próprias; morais, éticas e de conduta. Assim nossa formação nos destinou.
Partindo dessa premissa, na maioria das vezes, seguimos nossas vidas pautados no que achamos que seja mais correto para o desenvolvimento de nossa trajetória terrena.
Porém, é claro que a vida não é feita somente de vitórias. Os dissabores são inúmeros, mas o que nos entristece é que a maioria deles são causados pelos próprios seres humanos, travestidos de moscas parasitárias e de cunho retrógado.
Isso tem uma explicação lógica. As características essenciais ao convívio social e laborativo vêm se extinguindo em muitas pessoas, fazendo com que a relações invejosas e sem cunho coletivo façam as moscas proliferarem.
Hoje, dizer que uma pessoa vale pelo que tem é relativo, pois dependendo de com quem se relaciona, às vezes você se torna uma pessoa ‘interessante’ somente se não possuir atributos, qualidades e muito dinamismo.
Os homens-moscas possuem uma grande dificuldade em aceitar o sucesso e o progresso alheios (das Águias), como se isso fosse um afronto a sua dignidade ou a sua própria capacidade parasitária de evoluir.
Um grande exemplo disso é quando nos acontece algo de ruim. Nesse momento, não precisamos esperar muito para que os telefonemas, e-mails e cartas nos cheguem dando pêsames ou um cínico: valeu, você tentou!
Já se você obtém êxito profissional, familiar ou financeiro, as moscas começam a ‘caça às bruxas’ para saber se o acontecido tem alguma relação com o sobrenatural ou com algum apadrinhamento.
Na vida, não há nada mais forte do que o desejo. Os desejos passam pela dedicação, pelo trabalho e amor ao que se faz. Quando nos deparamos com as moscas de plantão, não devemos exterminá-las e sim, dar-lhes o que elas mais odeiam: o simples prazer de viver e laborar.
Essas moscas têm como cotidiano natural a desinformação, a mesquinharia e a desqualificação. Quando alguma Águia alcança um diferencial profissional, surge a clássica pergunta: como ela conseguiu?
Caras moscas, isso ocorre por um simples motivo: enquanto vocês, ínfimos insetos, estavam posando nos bares, nas boites, nas rodas de intrigas e nas tocas, esperando um reconhecimento divino, a Águia estava em seu ninho, tomando conta de suas idéias, de sua cultura e aprimorando a sua laboração.
Artigo de minha autoria publicado no Jornal O Diário (dia 25 de Setembro)
Cláudio Andrade.

NEM TUDO É O QUE PARECE.

Existem candidatos que tratam seus eleitores como se fossem índios. Exploram a suas necessidades e seus limites culturais. Transitam no desespero existencial deles, visando obter mais um voto que os conduzam ao poder. Depois de eleitos..........

Cláudio Andrade.

NO LUGAR DO CHOPP O ENGOV.

Dia 29 de Setembro a 'Adega do Durval' vai fechar as portas. O espaço vai ser explorado por uma Drogaria. Trata-se de mais uma perda para o centro de Campos, hoje tão carente e abandonado. Agora, nos resta o Silva, na praça do Sossego que, mesmo sendo um estabelecimento novo, tem um ambiente bem gostoso para os adoradores de uma boa bebida.

Cláudio Andrade.

DÍVIDA DE 7 REAIS GEROU INDEFERIMENTO DE REGISTRO DE CANDIDATURA A PREFEITO.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indeferiu o registro de candidatura a prefeito de um integrante do PTB no Piauí por conta do pagamento atrasado de duas multas no valor exato de R$ 7,02.

A decisão do tribunal saiu na noite de terça-feira (23) e o candidato Dióstenes José Alves, de 55 anos, registrado na urna eletrônica como ‘Boi na Brasa’, entrou com seus advogados com um recurso no TSE nesta quarta-feira (24) para se manter como um dos três concorrentes a vaga de prefeito da cidade de Avelino Lopes, a cerca de 575 quilômetros ao sul de Teresina.
O tribunal manteve a impugnação do registro de candidatura justificando que o pretendente não quitou a sua dívida eleitoral dentro do prazo - 5 de julho. As duas multas – de R$ 3,51 cada – foram dadas porque ele deixou de votar no referendo sobre o Estatuto do Desarmamento de 2005 e no segundo turno das eleições de 2002. Alves afirmou, porém, que justificou as suas faltas dentro do prazo (leia mais abaixo).

Para o relator do caso, o ministro Caputo Bastos, porém, a situação chamou atenção. “O Tribunal está sendo muito rigoroso ao impedir alguém em pleno exercício de seus direitos políticos de concorrer a um cargo eletivo devido ao não pagamento de tão irrisória multa”, diz texto publicado pelo TSE.

Outro lado

Alves afirmou, porém, que só pagou a multa com atraso devido a um erro da própria Justiça Eleitoral. “Só fiquei sabendo que não havia sido feito a baixa dias depois do fim do prazo por isto só paguei depois”, disse ele, por telefone, de Brasília, onde foi acompanhar de perto a sentença.
O advogado de Alves contou que tem no processo um documento do cartório eleitoral que diz que a falha foi do próprio cartório. “O TSE não apreciou as provas”, disse Carlos Gomes. “Ele foi induzido ao erro.”

Gomes comentou ainda que caso seja necessário entrará no Supremo Tribunal Federal.

HOJE PODE SER UMA DIA IMPORTANTE. LUTEM CONTRA OS BOATOS.

Pela legislação eleitoral hoje, dia 25 de Setembro é o último dia para que haja a apreciação de todos os recursos em matéria eleitoral que foram recebidos pelas instâncias superiores. Aos meus amigos internautas peço uma grande ajuda, caso seja possível. Não vamos alimentar boatos acerca dos candidatos e dos resultados dos julgamentos. A participação de vocês será muito importante não só hoje, mas também no dia 05 de Outubro. Claro que tudo deve ser divulgado, gostem ou não, entretanto, uma boa verificação na procedência da informação antes da divulgação é de suma importância. Eu vou tentar, posso até errar, mas vou tentar. Não esqueçam que são vocês são o oxigênio desse blog, logo dependerei sempre de vossas colaborações.

Cláudio Andrade.

COLUNA PONTO FINAL TENTA CRIAR MOTIVOS PARA JUSTIFICAR O PÚBLICO PRESENTE NO COMÍCIO DE ROSINHA.

Tática conhecida (I)

"Desde a primeira campanha de Garotinho para a Prefeitura, os comícios — naquela época eram importantes — passaram a contar na assistência com pessoas pobres, transportadas em ônibus, para engrossar a platéia e dar aquela impressão de força ao candidato. O tempo passou, os comícios deixaram de ser determinantes, mas o velho hábito continuou.

Tática conhecida (II)

Nesta última terça-feira, mais uma vez, a tática foi utilizada. Vários ônibus estacionados na Beira-Rio, alguns deles trazendo pessoas de outros municípios e da periferia, deixaram claro que os métodos pouco mudaram. Só que, agora, essas artimanhas político-eleitorais não causam mais o impacto de antes. Mesmo assim, em Campos, elas continuam sendo utilizadas sem cerimônia."

OPINIÃO DO BLOG.


Não sei se existiam ônibus de outras localidades,pois não estava lá. Entretanto, uma coisa é certa. Tanto Rosinha como Arnaldo, por exemplo, podem chamar eleitores de outras localidades para um comício. Onde se encontra escrito que o comício deve ser visto somente pelos eleitores locais?

Cláudio Andrade.

FOLHA DA MANHÃ IGNORA PESQUISA DO PRECISÃO E FALA DE ARNALDO.

A Procuradoria Geral Eleitoral (PGE) devolveu ontem ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o parecer sobre o Recurso Eleitoral que pede a revisão da impugnação do candidato do PDT à Prefeitura de Campos, Arnaldo Vianna. O teor do parecer não foi divulgado. Agora, a decisão cabe ao ministro Eros Graus, relator do processo.
Segundo o calendário eleitoral, hoje é o último dia para que todos os recursos sobre pedidos de registro de candidatos estejam julgados pelo TSE, com a publicação das decisões. Mesmo assim, em razão do volume de processos em Brasília, existe a possibilidade de a decisão não sair hoje.
Segundo o advogado de Arnaldo, João Batista de Oliveira, já ocorreram casos de os candidatos se elegerem e só terem o registro deferido tempos depois. A possibilidade de que a resposta sobre o registro de Arnaldo não sair hoje foi confirmada pela assessoria do Tribunal: “Pode sair a qualquer momento, como pode demorar mais um pouco”, disse a assessoria.




quarta-feira, 24 de setembro de 2008

BLOG ASPECTOS APRESENTA O REGISTRO DA PESQUISA.

A pesquisa foi registrada na 100ª Zona Eleitoral sob o número 361/2008. A margem de erro é de 2.2 pontos percentuais.
Wesley Machado
Administrador do Blog Aspectos
Obrigado Wesley por sua atenção.
Cláudio Andrade.

AGORA GAROTINHO DIVULGOU.

"Rosinha dispara em nova pesquisa
A rádio CAMPOS DIFUSORA divulgou há minutos atrás, o resultado de uma pesquisa encomendada ao Instituto Precisão, onde foram ouvidos 2.000 eleitores, em todos os bairros e distritos de Campos.
O resultado mostra a vitória de Rosinha já no 1ª turno da eleição.
Esses são os números oficiais divulgados pela emissora:
Rosinha.....................................44%
ArnaldoVianna...........................32%
Odete..........................................4%
PauloFeijó...................................1%
Brancos/Nulos............................5%
(Graciete Santana +Marcelo Vivório)............................1%
Indecisos....................................13%"
FONTE- BLOG DO GAROTINHO.
OPINIÃO DO BLOG
Com postura bem diferente Garotinho divulga a pesquisa do Instituto Precisão. A mesma conduta ele não tomou quando foi publicada a pesquisa feita pela Folha da Manhã, Revista Somos e Tv Litoral.

INSTITUTO PRECISÃO: ELEIÇÃO HOJE, ROSINHA NO PRIMEIRO TURNO COM 44%.

O radialista Barbosa Lemos, proprietário da rádio Campos Difusora, que encomendou a pesquisa do Instituto Precisão, divulgou agora há pouco o resultado, após a liberação pela Justiça Eleitoral.
Pela pesquisa, Rosinha tem 44% das intenções de voto, tanto na estimulada quanto na espontânea, enquanto Arnaldo Vianna tem 32%. A não variação entre a espontânea e a estimulada é que nessa reta final de campanha os eleitores conhecem os candidatos e já fizeram a opção desejada.
Na espontânea:
Rosinha, 44%
Arnaldo, 32%
Odete Rocha, 3%
Paulo Feijó, 1%
Graciete e Vivório não pontuaram.
Brancos e nulos, 6%
Indecisos, 14%
Na estimulada:
Rosinha, 44%
Arnaldo, 32%
Odete, 4%
Feijó, 1%
Graciete e Vivório, somados, têm 1%
Indecisos, 13%
Rejeição:
Rosinha, 20%
Arnaldo, 22%
Feijó, 24%
Odete, 2%
Vivório, 4%
Graciete, 1%
Foram ouvidas 2.000 pessoas entre os dias 17 e 20 de setembro.Se a eleição fosse hoje, portanto, segundo o Instituto Precisão, não haveria segundo turno.
FONTE- BLOG ASPECTOS.
OBS: O BLOG ASPECTOS NÃO APRESENTOU O NÚMERO DE REGISTRO DA PESQUISA NA JUSTIÇA ELEITORAL

INSTITUTO PRECISÃO TEM PESQUISA PARA PREFEITO DE CAMPOS LIBERADA.

O blog Aspectos, do jornalista Avelino Ferreira fez uma postagem dizendo que a pesquisa do Instituto Precisão para Prefeito de Campos foi liberada pela Justiça. Além disso, apresentou a colocação de Rosinha e de Arnaldo. Entretanto, como a colocação dos demais e o nº do registro da pesquisa na Justiça Eleitoral não foi divulgado, ainda não apresentarei os resultados. Vamos aguardar!

PARA COORDENADOR DE CAMPANHA ILSAN VIANNA JÁ TEM DECISÃO FAVORÁVEL.

“No TRE a candidata apresentou defesa e já ganhou, porém o adversário apresentou agravo regimental e até hoje à tarde estava em andamento. O fato é que a candidata se desincompatibilizou dentro do prazo e isso já foi apresentado nos autos, por isso o Tribunal já deu decisão favorável. Mas como cabe recurso também para a outra parte, foi apresentado o agravo que, até onde sei, não foi julgado ainda. Mas caso tenha sido dada nova decisão favorável ao adversário, a Ilsan tem ainda a seu favor outros recursos, tanto no TRE como no TSE”,
OBS: AS PALAVRAS ACIMA SÃO DE PAULO VIZELA (COORDENADOR DE CAMPANHA).
OBS 02-EXTRAÍDO DA POSTAGEM RELATIVA A CASSAÇÃO DE ILSAN VIANNA.

TRE/RJ CASSA POR 6 X 0 REGISTRO DE CANDIDATURA DE ILSAN VIANNA


O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou ontem por seis a zero o registro de candidatura de Ilsan Vianna (PDT), candidata da Coligação Coração de Campos. O pedido de impugnação foi feito pelo Ministério Público Eleitoral do Estado do Rio de Janeiro, porque a candidata não teria, no prazo, de desincompatibilizado de fato (deixado o cargo) de presidente da Associação de Proteção à Infância de Campos (Apic), e de acordo com a legislação eleitoral deveria ocorrer em abril.O pedido de impugnação foi acatado pela Justiça Eleitoral em primeira instância, e a candidata recorreu da decisão, mas a sentença foi mantida. Por caber recurso o processo subiu à segunda instância no TRE que julgou e manteve a decisão da 76ª Zona Eleitoral. “No TRE a candidata apresentou defesa e já ganhou, porém o adversário apresentou agravo regimental e até hoje à tarde estava em andamento. O fato é que a candidata se desincompatibilizou dentro do prazo e isso já foi apresentado nos autos, por isso o Tribunal já deu decisão favorável. Mas como cabe recurso também para a outra parte, foi apresentado o agravo que, até onde sei, não foi julgado ainda. Mas caso tenha sido dada nova decisão favorável ao adversário, a Ilsan tem ainda a seu favor outros recursos, tanto no TRE como no TSE”, informou o coordenador de campanha da coligação, Paulo Vizela. A Redação de O Diário tentou ouvir a candidata Ilsan Vianna, mas não foi encontrada e o telefone apresentava mensagem de que estava fora de área.
FONTE- O DIÁRIO.

NA POSSE.



Espero que na eleição de Campos vença o melhor. Entretanto, também é meu desejo, que o novo Prefeito saia dessa acirrada disputa sendo prefeito de todos e não somente, daqueles que o elegeram. Eleição que deve ser ganha nos projetos e não na sacolinha. Por fim, que tenhamos embates de ideias e não confrontos destemperados entre os eleitores ou entre os candidatos.
Cláudio Andrade.

IBPS: PESQUISA ELEITORAL EM QUISSAMÃ. ARMANDO CARNEIRO TEM 51% DOS VOTOS.

A pesquisa de intenção de voto foi realizada entre os dias 15 e 16 de setembro, pelo Instituto Brasileiro de Pesquisa Social (IBPS).
Armando-51%.
Octávio Carneiro- 23% (PP).
Arnaldo Matoso- 11% (PMDB).
Não sabem ou não opinaram-13%.
Nulos e brancos- 2%.
Ao todo foram ouvidos 804 eleitores, maior consulta já realizada no município. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número de processo 279/08 e edital 55/08.
Em maio Armando tinha 44,4%, passou em julho para 50,5%, chegou a 52% em agosto e agora está com 51%. Já Octávio, que tinha 29,5%, caiu para 22,2%, alcançou 24% e agora caiu novamente ao patamar de 23%. Arnaldo havia se recuperado, indo de 14% para 16%, mas caiu para 10% e agora tem 11% das intenções de voto em Quissamã.

BANCOS NA PELINCA SÓ ÀS 11 HORAS.

Segundo informações as instituições financeiras situadas na Avenida Pelinca só serão abertas às 11 horas. Isso se deve à uma paralisação do bancários.

JUSTIÇA BLOQUEIA DINHEIRO DESVIADO POR SILVEIRINHA NO PROPINODUTO.

O procurador-geral da União, Jefferson Carús Guedes, confirmou hoje a decisão da Justiça da Suíça de bloquear US$ 33 milhões que teriam sido desviados dos cofres públicos pelo grupo do ex-subsecretário de Administração Tributária do Rio de Janeiro Rodrigo Silveirinha, no chamado escândalo do Propinoduto.
Numa entrevista a Rádio do Moreno, o procurador sustenta que a tarefa agora é redobrar os esforços para garantir a devolução dos recursos aos governos federal e do Rio de Janeiro o mais cedo possível.

Silveirinha foi subsecretário de Administração durante o governo de Anthony Garotinho. Guedes entende ainda que o bloqueio é uma medida forte e pode inibir, em parte, a ação de corruptos que ainda estão em atividade no país. A Justiça suíça decretou também a prisão de cinco executivos do Discount Bank & Trust Company, uma decisão inédita no país que, até recentemente, era conhecido como um dos principais escoadouros do dinheiro da corrupção no Brasil.

COLUNA PONTO FINAL LEMBRA SITUAÇÃO DOS GAROTINHOS: GANHA NO PRIMEIRO E PERDE NO SEGUNDO TURNO.

Os números das pesquisas que são feitas com certa antecedência sempre criam incertezas, dúvidas e desconfianças. E não é para menos. Pelos altos interesses em jogo ou somente são ignorados nas tabulações feitas quando concluídas e divulgadas dois três dias da eleição. A pesquisa do Ibope feita com maior antecedência acusou vantagem de 7% para a candidata do PMDB e, agora, com o Gerp, a vantagem ficou em 2%.

Tira-teima (II)

A pergunta que se faz é se Arnaldo cresceu, ou Rosinha caiu. Ou, então, se há equívocos dos dois lados. Algo, no entanto, fica evidente, ou seja, que a eleição está pau-a-pau e que só deverá ser decidida no 2º turno. Como aconteceu nas duas últimas eleições em Campos. Nelas o grupo de Garotinho ganhou e bem nas urnas e nas pesquisas no 1º turno, sendo derrotado no 2º turno. Será que a história se repetirá?

Dirimindo dúvidas


O entusiasmo com que o vice-prefeito vem participando dos eventos da campanha de Rosinha, inclusive em carreatas no carro principal, não deixa dúvidas que esteve à frente da medida que decretou o afastamento e dispensa dos terceirizados. O que faz pensar que ele já estava pensando na eleição e, conseqüentemente, no prejuízo que esta medida traria ao grupo que se confronta com a candidata do PMDB.

FONTE -FOLHA DA MANHÃ.

'TELHADO DE VIDRO': PROCURADORA DO MUNICÍPIO DE CAMPOS ,FLÁVIA TRINDADE É DISPENSADA DE TESTEMUNHAR.

Sem a presença do acusado, o juiz da 1ª Vara Federal Criminal de Campos, Fabrício Soares, ouviu ontem à tarde cinco das sete testemunhas de defesa, apresentadas pelo ex-gerente de Desenvolvimento do município, Edílson Quintanilha, preso na Operação Telhado de Vidro, em abril, suspeito de envolvimento EM suposto esquema de fraude em licitações na Prefeitura. Das testemunhas arroladas pela defesa, foram ouvidas Marta Antônio Vasconcelos, Amarildo Paes da Silva, Luiz Antônio de Souza Alvarenga e Luiz Carlos Barcelos Riscado. Foram dispensados Vanderson Andrade Silva e a procuradora Flávia Trindade Chalita. Esta última afastada do cargo, por determinação do juiz Ralph Machado Manhães Júnior, da 1ª Vara Cível de Campos. O advogado do ex-gerente, André Nascimento, disse: “Não posso fazer comentários sobre os depoimentos. Mas digo que foram importantes para a Justiça e para os fatos”. Foi a segunda oitiva dos 18 acusados pela Justiça. Em agosto, em duas audiências, foram ouvidas as testemunhas do ex-Procurador-Geral do município, Alex Pereira Campos, que continua preso no Rio.

Para hoje, ao meio dia, vão ser ouvidas as testemunhas de defesa do ex-gerente de Desenvolvimento Geral da Prefeitura, Francisco de Assis Rodrigues, que também permanece, preso no Rio. Ele relacionou nove pessoas que prestarão depoimentos.

JULGAMENTO DE ARNALDO VIANNA PREVISTO PARA HOJE.

O pedetista Arnaldo não foi o único candidato a ter seu registro indeferido: em primeiro grau, a juíza Márcia Alves Succi chegou a impugnar tanto Rosinha como Paulo Feijó (PSDB), pelo princípio da “ficha suja”. Ela acabou revendo sua decisão pelos dois, acatando o princípio exposto pelo Supremo Tribunal Federal (STF), de que o candidato só não pode concorrer caso não caiba mais recurso a eventuais processos que responda.
No caso de Arnaldo, ela julgou como trânsito em julgado (em última instância) um parecer contrário do Tribunal de Contas da União (TCU) a uma de suas contas como prefeito. Esta posição local da magistrada acabou sendo seguida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
O próprio Arnaldo declarou que pessoalmente procurou o TCU para entrou com recurso contra essa manifestação, o que reabriria o processo.

FONTE- FOLHA DA MANHÃ.

PARA A FOLHA DA MANHÃ O COMÍCIO DE ROSINHA TEVE ÊXITO DEVIDO AOS REFORÇOS DE OUTROS MUNICÍPIOS.

Com o reforço de prefeitos de seis municípios e a militância dos candidatos a vereador das coligações que apóiam sua candidatura à Prefeitura de Campos, Rosinha Garotinho (PMDB) realizou, na noite de ontem, seu primeiro comício no Centro de Campos. A luta por uma possível vitória no primeiro turno foi a tônica da maioria dos discursos dos participantes, que aproveitavam também para lembrar a toda hora a pendência do principal adversário Arnaldo Vianna (PDT) junto à Justiça Eleitoral.
No palanque revezaram-se, candidatos a vereador, o deputado federal Geraldo Pudim, o médico Paulo Hirano — que no começo da campanha chegou a ser anunciado como o vice de Rosinha — o vice-prefeito Roberto Henriques, o candidato a vice na chapa de Rosinha, Francisco de Oliveira.
Mas o apoio maior veio de fora, com os seis prefeitos da região — Luiz Carlos Machado, o Agudo (Natividade), Jair Bittencourt Junior (Itaperuna), José Hylen Gomes Ney (São José de Ubá), Davi Loureiro (São Fidélis), Luiz Fernando Padilha (Santo Antônio de Pádua) e Manoel Faria (Itaocara) —que estiveram no evento para dar seus depoimentos das conquistas obtidas no mandato de Rosinha como governadora.


BARBOSA LEMOS TEM PESQUISA ENCOMENDADA IMPUGNADA PELA JUSTIÇA ELEITORAL.

O juiz Pedro Henrique Alves impugnou ontem a divulgação de pesquisa do Instituto Precisão, contratada pela rádio Difusora AM, da qual é sócio Barbosa Lemos.
A justiça atendeu o pedido da Coligação “Coração de Campos”, do candidato Arnaldo Vianna, que lembrou que como Barbosa teve seus direitos políticos suspensos até 2010l, não poderia ter contratado a pesquisa. Anteriormente, o mesmo Pedro Henrique decidiu que Barbosa teria que se abster, pela perda dos direitos políticos, da manifestação sobre as eleições nos programas da emissora da qual é sócio, explica o advogado Eduardo Granato, que acompanha o caso.
Sobre essa questão, o juiz Pedro Henrique observou que Barbosa “utiliza-se da emissora, da qual é o detentor das cotas para, por via oblíqua, burlar decisão judicial que suspendeu seus direitos políticos e, de tal forma, participar ativamente do certame eleitoral”.

FONTE- FOLHA DA MANHÃ.

BARBOSA LEMOS TEM PESQUISA ENCOMENDADA IMPUGNADA PELA JUSTIÇA ELEITORAL.

O juiz Pedro Henrique Alves impugnou ontem a divulgação de pesquisa do Instituto Precisão, contratada pela rádio Difusora AM, da qual é sócio Barbosa Lemos.
A justiça atendeu o pedido da Coligação “Coração de Campos”, do candidato Arnaldo Vianna, que lembrou que como Barbosa teve seus direitos políticos suspensos até 2010l, não poderia ter contratado a pesquisa. Anteriormente, o mesmo Pedro Henrique decidiu que Barbosa teria que se abster, pela perda dos direitos políticos, da manifestação sobre as eleições nos programas da emissora da qual é sócio, explica o advogado Eduardo Granato, que acompanha o caso.
Sobre essa questão, o juiz Pedro Henrique observou que Barbosa “utiliza-se da emissora, da qual é o detentor das cotas para, por via oblíqua, burlar decisão judicial que suspendeu seus direitos políticos e, de tal forma, participar ativamente do certame eleitoral”.

FONTE- FOLHA DA MANHÃ.

QUATRO MINISTROS VOTAM PARA REDUZIR PENA DE SUZANE RICHTHOFEN.

Quatro ministros do Superior Tribunal de Justiça já votaram pela redução da pena de Suzane Richthofen, condenada pela morte dos pais. Dois deles entenderam que a condenação deve ser reduzida de 39 para 35 anos. Os outros dois manifestaram-se por uma redução maior: 31 anos. O julgamento foi interrompido nesta terça-feira (23/9) pelo pedido de vista da ministra Maria Thereza de Assis Moura, única que falta para votar.

terça-feira, 23 de setembro de 2008

DECISÃO DO TSE PODE INFLUENCIAR NO CASO ARNALDO VIANNA.

Na sessão da noite de ontem (foto), o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidiu, por quatro votos a três, que cabe somente às Câmaras Municipais o julgamento das contas prestadas pelos prefeitos, tendo os tribunais de contas apenas como órgãos auxiliares.
Partindo deste pressuposto, foram deferidas duas candidaturas a prefeito – José Edivan Félix e Luiz Ademir Hessmann, das cidades de Catingueira (PB) e Ituporanga (SC).
Em Campos, o candidato Arnaldo Vianna (PDT), que também teve contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas e aguarda decisão da Justiça, poderá ser beneficiado. O TSE tem até esta quinta, 25, para julgar todos os recursos que envolvem candidaturas nas eleições deste ano.

FONTE-BLOG LIGAÇÃO DIRETA.


PESQUISA IBPS EM ITALVA: LEDIR LIDERA COM 43%

Com 43% da preferência dos eleitores, o candidato Ledir (PSC) da Coligação “Italva Melhor para Todos” (PSC/ PT) está na frente na disputa pela prefeitura de Italva, no Noroeste Fluminense, segundo pesquisa espontânea encomendada pelo Partido Social Cristão (PSC) ao Instituto Brasileiro de Pesquisa Social (IBPS).
Em segundo lugar, aparece o candidato da Coligação “Por Amor a Italva” (PR / PTC / PTB / PSDB / PMDB / PDT / PT do B), Eliel Ribeiro (PMDB) com 41% das intenções de voto, considerando um empate técnico. Dr. Odilon (PPS), que concorre como prefeito pela Coligação “Italva com Saúde” (PPS/ DEM), registrou 1%. O quarto candidato, Odivaldo Navarro (PRB), não foi citado pelos eleitores na pesquisa. Dos entrevistados, 15% não souberam responder e 1% declarou que votará nulo.
A consulta foi realizada com 452 eleitores com idades acima de 16 anos no dia 12 de setembro e registrada na 141ª Zona Eleitoral com o nº 421/2008. A margem de erro é de 4,6%.
Para a candidata a vice da Coligação “Italva Melhor para Todos” (PSC/ PT), Ellen Peres (PT), o resultado da pesquisa reflete o que ela e Ledir estão percebendo no contato direto com os eleitores. Em visita às famílias, nas reuniões e em comícios realizados pelo município, o desejo da população, segundo a candidata, é por mudança. “E nós representamos a mudança. Nosso principal concorrente governou por duas vezes, indo, inclusive, embora do município, enquanto Ledir nunca saiu de Italva e ainda, quando vice, acumulou a secretaria de Agricultura, onde iniciativas, como abertura de estradas e o apoio ao agricultor na inseminação de gados, são lembradas até hoje pela população”, destacou Ellen.
Rejeição – Em outro momento da pesquisa, em que foi perguntado aos eleitores “Em qual dos candidatos apresentados o (a) sr. (a) jamais votaria?”, o candidato Eliel Ribeiro ficou em primeiro lugar na rejeição dos eleitores com 26%. Em seguida, aparece Dr. Odilon com um índice de rejeição de 19%, seguido por Ledir com 16% e Odivaldo Navarro com 12%. Dos 452 entrevistados, 22% informaram não ter rejeição a nenhum candidato e 2% disse rejeitar todos os concorrentes. Os que não souberam ou não quiseram responder registrou 4%. Nesta parte da consulta, os eleitores puderam dar mais de uma resposta.

FONTE- O DIÁRIO.



MORRE A PRIMEIRA MINISTRA DO BRASIL.

Morreu por volta de 18h10 desta terça-feira (23), no Hospital do Coração, em São Paulo, a primeira mulher a ocupar o cargo de ministra no Brasil. Esther Ferraz, 93 anos, teve um acidente vascular cerebral.
Ex-ministra da Educação entre 1982 e 1985, durante o governo do general João Figueiredo, a paulistana era formada em direito e também foi a primeira mulher a lecionar na USP (Universidade de São Paulo) e a ocupar uma cadeira na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).
No Ministério da Educação, ela regulamentou a emenda que estabeleceu percentuais mínimos obrigatórios para a aplicação na educação dos recursos arrecadados em impostos.
Esther Ferraz promoveu ainda uma reforma universitária que aperfeiçoou os planos de carreira para professores e defendeu a criação das escolas técnicas federais.
O velório será na Assembléia Legislativa, a partir das 8h30. Segundo familiares da ex-ministra, o enterro, no Cemitério do Araçá, ainda não tem horário previsto.

APESAR DE TUDO NÃO VOU MODERAR.

Bem! Acho que alguém ultrapassou os limites da ética. Seria tão bom receber dessa pessoa um belo argumento e não uma ofensa gratuita. Mesmo assim, existem pessoas e elas são a maioria, que não perdem tempo com esse tipo ação vil. O blog continuará igualitário, imparcial e sem moderação. Os meus amigos internautas, que são os verdadeiros responsáveis pelo sucesso do blog, não podem pagar por um ou outro. Poderia ter tirado a postagem na hora, mas resolvi deixá-la exposta para que todos pudessem ver a que ponto chega alguns seres humanos. A noite eu apagarei, é cedo ainda.

O próprio cidadão que postou vai aos poucos notando seu destempero cultural e bem devagar, vai corrigindo seus erros e juntado-se aos bons internautas. Vamos torcer por ele.

OBS: Não vou me pronunciar mais acerca do assunto.

Cláudio Andrade.

ESCLARECIMENTO DO BLOG.

Meus amigos internautas!!!

Não abro mão de ter um blog imparcial. As pesquisas de intenção de voto para Prefeito não foram encomendadas por mim. A única coisa que faço, e acho que é meu dever, são publicá-las. Também não tenho inclinação política declarada, logo tento publicar notícias boas e ruins de todos os candidatos. Façamos uma retrospectiva: Em Campos divulguei 02 pesquisas eleitorais feitas pelo IBOPE, 01 nota oficial de Arnaldo Vianna, 01 nota oficial de Roberto Henrique e 01 nota oficial de Odete Rocha. Além disso, tento proporcionar espaço idêntico aos principais jornais de nossa cidade. As noticiais da folha saem primeiro, pois ela libera sua versão on-line às 6:30 e o Diário não disponibiliza mais a sua versão on line após a meia-noite. Além disso, tenho feito o possível para não ter que apagar alguns comentários. Tem cada um tão agressivo que nem posso comentar.
Cláudio Andrade.

EMOÇÕES NO PARQUE DA CIDADE.

Em Brasília existe um parque chamado Parque da Cidade. Nele é normal ver políticos realizando suas caminhadas matutinas. Entretanto, nessa época do ano, quando os Tribunais Superiores recebem muitos recursos eleitorais, o dito parque recebe uma leva exorbitante de advogados que, aguardando audiências e decisões realizam tensas caminhadas pelo Parque da Cidade. Será que tem campista caminhando?
Cláudio Andrade.