quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Garotinho usa Mandado de Segurança para não apresentar notas fiscais dos brindes


O candidato ao governo Anthony Garotinho (PR) obteve, na sessão desta segunda-feira (1º) o direito de não apresentar notas fiscais dos brindes distribuídos antes do período eleitoral nos programas de rádio "Fala Garotinho" e "Fala Rosinha". Por três votos a dois, o plenário entendeu que a verificação dos gastos de campanha deve ser realizada na prestação de contas. 

Além disso, cabe ao Ministério Público Eleitoral ajuizar ação de investigação de eventual abuso do poder econômico, devido ao elevado valor dos bens distribuídos — micro-ondas, televisores e outros aparelhos eletrônicos.

A decisão, porém, mantém a ordem de expedir ofícios à Receita, Polícia Federal e ao Ministério Público Eleitoral, para que investiguem os indícios de irregularidade.

Processo relacionado: MS 364778
TRE-RJ

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Garotinho com 27%, na estimulada, líder na rejeição, com 34% e empatado no 2º com Pezão e Crivela


Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) mostra Anthony Garotinho (PR) com 27% das intenções de voto na corrida para governador do Estado do Rio. Luiz Fernando Pezão (PMDB), candidato à reeleição, aparece com 19% e o senador Marcelo Crivella, do PRB, com 17%. Lindberg Farias, candidato do PT, tem 11% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 14%, enquanto 8% dos entrevistados não souberam ou não responderam.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):
Anthony Garotinho (PR) – 27%
Luiz Fernando Pezão (PMDB) – 19%
Marcelo Crivella (PRB) - 17%
Lindberg Farias (PT) – 11%
Tarcísio Motta (PSOL) – 3%
Dayse Oliveira (PSTU) – 1%
Ney Nunes (PCB) - 0%
Brancos e nulos – 14%
Não sabem ou não responderam - 8%

A pesquisa foi realizada entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro. Foram entrevistados 1.610 eleitores do estado do Rio de Janeiro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Rejeição
O Ibope também pesquisou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Quem tem a maior rejeição é o candidato Anthony Garotinho, com 34%. Luiz Fernando Pezão vem em segundo lugar com 16% de rejeição, seguido por Lindberg Farias com 13% e Marcelo Crivella com 12%. Ney Nunes aparece com 9%, enquanto Tarcísio Motta tem rejeição de 7% e Dayse Oliveira de 6%. Eleitores que não souberam responder ou não responderam somaram 25%.

A pesquisa foi contratada pela TV Globo e foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº RJ-00026/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo Nº BR-00491/2014.

Segundo turno
A pesquisa também simulou um segundo turno entre Garotinho e Crivella. Nesse cenário, ambos teriam 34% das intenções de voto. Do total de entrevistados, 25% votariam em branco ou anulariam o voto, enquanto 7% não souberam responder ou não responderam.
No cenário de um segundo turno entre Garotinho e Luiz Fernando Pezão, ambos candidatos teriam 35% das intenções de voto. Votos em branco ou nulos seriam 23% e 6% dos entrevistados não responderam ou não souberam responder.
O segundo turno entre Garotinho e Lindberg Farias tem este cenário: Garotinho tem 37% e Lindberg, 31%. Brancos ou nulos somam 25% e não souberam ou não responderam, 7%.

Audiência pública na Alerj debate a extinção da profissão de técnico de contabilidade



O deputado estadual Roberto Henriques participou na manhã desta terça-feira, dia 2, de uma audiência pública para debater a situação dos contabilistas ocorrida no Palácio Tiradentes, sede da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Na ocasião, foi discutida a questão da medida provisória n 472/2009, transformada na lei nº 12.249/2010, que alterou o artigo 12 do decreto de lei nº 9295/46, que vedará o exercício da profissão dos técnicos de contabilidade a partir de junho de 2015. A medida impedirá que mais de 200 mil técnicos de contabilidade federados sejam impedidos de exercer a profissão, sendo retirados do mercado de trabalho.

Participaram também da audiência o deputado Paulo Ramos; o presidente da Federação de Contabilistas dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Bahia, Luiz Sérgio da Rosa Lopes; a primeira vice-presidente da Federação, Sandra Regina Maciel; o professor Celso Barbosa e o secretário Antônio Alves Moreira, além de vários sindicalistas.

Na última quinta-feira, dia 28, o deputado estadual Roberto Henriques entregou à mesa diretora da Alerj uma moção de repúdio ao senado e à câmara de deputados pela conversão da medida provisória que extingue a profissão de técnico de contabilidade.

De acordo com Roberto Henriques, o cerceamento da liberdade do exercício da profissão de técnico de contabilidade agride os interesses da sociedade, age contra a proposta do governo de ampliar e valorizar o ensino técnico no Brasil e contra a constituição, que garante o trabalho livre de acordo com a formação profissional.

Assecom do parlamentar

TRE/RJ nega recurso e Feijó continua com candidatura indeferida



"O deputado federal Paulo Feijó (PR) tentou reverter o indeferimento da candidatura à reeleição, mas o recurso foi rejeitado. A candidatura foi negada por improbidade administrativa, pela suposta ligação dele ao esquema de venda de ambulâncias conhecido por "escândalo dos sanguessugas". Feijó ainda pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília".

TRE/RJ

Leia o orçamento da Prefeitura de Campos para 2015 por secretaria



I - ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL
A - ADMINISTRAÇÃO DIRETA – ÓRGÃOS
Gabinete do Prefeito R$ 240.000,00
Guarda Civil Municipal R$ 1.100.000,00
Assessoria Particular R$ 35.000,00
Centro de Informações e Dados de Campos (CIDAC) R$ 2.500.000,00
Defesa Civil R$ 1.700.000,00
Procuradoria Geral do Município R$ 102.000.000,00
Secretaria Municipal de Governo R$ 385.000,00
Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor R$ 70.000,00
Secretaria Municipal de Administração e Gestão de Pessoas R$ 500.000.000,00
Secretaria Municipal de Agricultura R$ 11.913.500,00
Secretaria Municipal de Justiça e Assistência Judiciária R$ 70.000,00
Secretaria Municipal de Comunicação R$ 14.950.000,00
Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes R$ 350.105.000,00
Secretaria Municipal de Fazenda R$ 60.009.600,00
Secretaria Municipal de Limpeza Pública, Praças e Jardins R$ 78.000.000,00
Secretaria Municipal de Meio Ambiente R$ 2.800.000,00
Secretaria Municipal de Obras, Urbanismo e Infraestrutura R$ 420.500.000,00
Secretaria Municipal de Família e Assistência Social R$ 50.000,00
Secretaria Municipal de Saúde R$ 105.050.000,00
Secretaria Municipal de Controle, Orçamento e Auditoria R$ 32.000.000,00
Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo R$ 1.200.000,00
Secretaria Municipal de Trabalho e Renda R$ 1.900.000,00
Secretaria Municipal de Petróleo, Energias Alternativas e Inovação Tecnológica R$ 620.000,00
Secretaria Municipal de Relações Institucionais R$ 230.000,00
Secretaria Municipal de Paz e Defesa Social R$ 580.000,00
Secretaria Municipal de Pesca e Aquicultura R$ 870.000,00
Secretaria Municipal dos Direitos do Idoso R$ 500.000,00
Fundo Municipal de Transportes R$ 150.000,00
Fundo Municipal de Desenvolvimento de Campos R$ 18.000.000,00
Fundo Municipal da Infância e Adolescência R$ 4.010.000,00
Fundo Municipal de Assistência Social R$ 69.000.000,00
Fundo Municipal de Saúde R$ 233.500.000,00
Fundo Especial da Guarda Civil R$ 100.000,00
Fundo Municipal dos Direitos Difusos - Procon R$ 700.000,00
Fundo Municipal de Meio Ambiente – FUMMAM R$ 300.000,00
Fundo Municipal de Habitação R$ 10.000,00
Fundo Municipal de Trabalho e Renda R$ 950.000,00
Fundo Municipal de Cultura de Campos dos Goitacazes R$ 175.000,00
Fundo Municipal dos Direitos do Idoso R$ 50.000,00
Fundo Municipal do Esporte, Lazer e Recreação R$ 90.000,00
Fundo Municipal de Saneamento Básico R$ 50.000,00
Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima R$ 13.070.000,00
Fundação Municipal de Saúde R$ 290.730.000,00
Fundação Municipal da Infância e Juventude R$ 11.645.000,00
Fundação Municipal de Esportes R$ 12.000.000,00
Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais
de Campos - PREVICAMPOS R$ 157.825.000,00
Instituto Municipal de Trânsito e Transporte – IMTT R$ 41.130.000,00


A Polêmica: Pezão é o terceiro candidato a participar do programa


O governador do Estado e candidato a reeleição, Luiz Fernando Pezão, é o convidado do programa “A Polêmica” desta terça-feira (2 de setembro), na 3ª Via TV. Ele esteve no prédio do jornal Terceira Via, na noite da última sexta-feira (29), onde gravou o programa que é apresentado pelo advogado Claudio Andrade.

Este foi o terceiro candidato ao governo do Estado do Rio de Janeiro a participar do programa “A Polêmica”. Além de Pezão, já participaram das entrevistas os candidatos Lindberg Farias (PT) e Dayse Oliveira (PSTU). A assessoria de imprensa de Marcelo Crivella (PRB) está agendando a vinda dele nos próximos dias. A assessoria de imprensa do candidato Garotinho - apesar de procurada - não se manifestou.

A entrevista de Pezão a Cláudio Andrade vai ao ar às 22h30, desta terça-feira (2), na 3ª Via TV, nos canais 25 da Ver TV e Blue Via Cabo e ainda no 425 – em HD – da Blue Via Cabo. Confira a entrevista em Macaé, nos canais 17 e 425 da Blue Via Cabo e ainda em Rio das Ostras, no canal 425, também da Blue Via Cabo.

Terceira Via.

Geraldo Pudim pensa ter descoberto a roda


O deputado estadual e candidato à reeleição pelo Partido da República, Geraldo Pudim, pensa que descobriu a roda. Ele está preocupado com alguns que se dizem aliados e cabos eleitorais de Clarissa Garotinho, candidata ao parlamento federal, mas que, por trás das cortinas, estão, de fato, ajudando candidatos “de fora”: os chamados forasteiros.

Não há dúvidas de que essa prática vem de longa data. Jamais os líderes políticos de um município concentrarão seus apoios somente nos postulantes da sua localidade. No caso de Campos dos Goytacazes, não seria diferente.

Porém, a irritação de Pudim é que muitos que prometeram apoio maciço para a filha do casal de ex-governadores estão pulando do barco ou fazendo uma tabela. Isso é reflexo da chamada falta de amarração.

Alguns prometeram ajudar, mas gostariam de um aporte financeiro. Contudo, nesse quesito, não há verba para todos. Militância e alguns candidatos estão tendo que buscar verba fora do município e, como não existe em política o ‘almoço grátis’, eles precisam oferecer a contrapartida.

Todavia, essa situação vem ocorrendo de forma velada, o que dificulta a identificação daqueles infiéis que Garotinho quer jogar aos leões. A ação de ajudar os “de fora” - sem que a cúpula do PR tome conhecimento - está sendo feita de forma profissional.

Os pagamentos são feitos em mãos e o recebedor precisa tão somente desvincular o voto dos seus liderados do nome de Clarissa e, muitas vezes, do próprio Garotinho.

Caso queiram continuar apoiando Pudim ou Gil, por exemplo, poderão assim fazer desde que Clarissa seja desvinculada ao pedido de voto.

A situação se agrava quando esses chapeleiros de duas abas são detentores de cargos de confiança da Prefeitura de Campos. Isso tem gerado um mal estar imensurável pois, em se tratando, em tese, de pessoas de confiança da Prefeita Rosinha Garotinho, não deveriam estar trabalhando para candidatos que não pertençam ao Grupo.

Vale ressaltar que, mesmo que haja a identificação dos traidores do Reino, poucos sofrerão retaliações nesse momento eleitoral.

As eleições estão muito próximas para que uma exoneração cause a migração dos votos de uma família inteira para outra candidatura.

Por isso, a pressão é genérica, pois não há interesse de apresentar publicamente quais são aqueles que estão se beneficiando com as candidaturas externas e traindo o grupo.

O discurso aberto surte mais efeito, pois desequilibra quem já está fazendo, e pode desmotivar aqueles que estão prestes a fazer parte do apoio externo.

A preocupação é pertinente, pois a cúpula que administra a Prefeitura de Campos sabe muito bem que não está sendo fácil administrar os egos dos postulantes da terra, que clamam pelos afagos do casal da Lapa. Manter os principais atores unidos em torno do nome de Clarissa está sendo tarefa árdua.

A prefeita Rosinha já veio a público dar uma chamada em seu exército. Todavia, pelo visto, alguns só se mexem mediante verba.

Pois é. Ideologia, nos dias de hoje, é lenda urbana.

domingo, 31 de agosto de 2014

Secretaria de Saúde de SJB em evento no Porto do Açu‏


A Secretaria de Saúde de São João da Barra foi convidada pela Gercon Construção, que presta serviço para a Wartsila, no Complexo Industrial do Super Porto do Açu, para participar da Semana de Prevenção de Acidente de Trabalho. O objetivo foi conscientizar os empregados sobre os cuidados com a saúde, doenças relacionadas ao trabalho, segurança no trabalho e prevenção de acidentes.

No decorrer da semana, a coordenadora de Saúde Mental da Prefeitura de São João da Barra, Elizabeth Senra, palestrou sobre uso abusivo de álcool e drogas e a coordenadora do Programa Municipal de Tabagismo abordou os problemas de saúde causados pelo cigarro. Já a enfermeira Hélia falou a respeito das doenças sexualmente transmissíveis. Aproximadamente 200 funcionários assistiram às palestras.

O técnico de Segurança da Gercon, Carlos Escovedo, destacou que o evento foi fundamental para os funcionários receberem informações importantes para o dia a dia no ambiente de trabalho, por meio de palestras. “Foram abordados temas sobre saúde, qualidade de vida e segurança no trabalho, além de atividades recreativas e de integração,” relatou.

O evento foi promovido pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes da Gercon, com o intuito de tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador.

Assecom da Prefeitura de SJB

Marina já ganhou R$ 1,6 milhão com palestras em três anos


Sem cargo público, mas com um capital eleitoral de quase 20 milhões de votos depois de perder a última eleição presidencial, a ex-senadora Marina Silva abriu em março de 2011 uma empresa para proferir palestras e faturou R$ 1,6 milhão com a atividade até maio deste ano.

Marina sempre manteve em segredo os detalhes sobre a atividade que virou sua principal fonte de renda desde que deixou o Senado. Agora candidata à Presidência da República, ela aceitou revelar o valor de seus rendimentos após questionamentos da Folha de São Paulo.
Em pouco mais de três anos, Marina diz que assinou 65 contratos e fez 72 palestras remuneradas. Ela se recusa a identificar os nomes das empresas e das entidades que pagaram para ouvi-la, alegando que os contratos têm cláusulas de confidencialidade.

No ano passado, a própria Marina pediu a entidades que a tinham contratado para não divulgar seu cachê, como a Folha informou em outubro.

Folha de São Paulo.

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Datafolha: Dilma e Marina empatam com 34% e Aécio aparece com 15%


Pesquisa Datafolha sobre a corrida presidencial, divulgada nesta sexta-feira (29), indica uma situação de empate entre a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e a ex-senadora Marina Silva, candidata do PSB. Cada uma aparece com 34% das intenções de voto. A seguir, vem o senador Aécio Neves (PSDB), com 15%. Na pesquisa anterior do Datafolha, divulgada no último dia 18, Dilma tinha 36%, Marina, 21% e Aécio, 20%.

Na simulação de segundo turno entre Dilma e Marina, a ex-senadora alcançou 50% contra 40% da presidente. Na pesquisa anterior, Marina tinha 47% e Dilma, 43%.

No levantamento desta sexta, Pastor Everaldo (PSC) obteve 2%. Os outros sete candidatos somados têm 1%. Segundo o levantamento, os que disseram votar branco ou nulo são 7%, mesmo percentual dos que não sabem em quem votar.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo". O Datafolha fez 2.874 entrevistas em 178 municípios nestas quinta (28) e sexta (29). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00438/2014.

G1.

A Polêmica entrevista o Governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão


Não percam, na próxima Terceira-feira, às 22:30, A Polêmica,  transmitido pela 3ª Via TV (em Campos canal 25 da Blue Via Cabo e Ver TV; em Macaé canal 17 da Blue Via Cabo; em Rio das Ostras canal 25 da Blue Via Cabo)

Roberto Henriques participa de reunião no Porto do Açu sobre andamento das obras e perspectivas do projeto


O deputado estadual Roberto Henriques se reuniu nesta sexta-feira, dia 29, com representantes Prumo Logística, no Porto do Açu, em São João da Barra, para se inteirar sobre o andamento das obras, novos investimentos e perspectivas no complexo portuário. O deputado, que é presidente da Comissão Parlamentar sobre o Porto do Açu, atendeu ao convite da empresa por saber da importância do empreendimento para a região. Na ocasião, a diretora de operações, Cristiane Marsillac, e o especialista em relações institucionais Caio Cunha, apresentaram números que comprovam as grandes proporções do projeto, a evolução da obra e a previsão para os próximos anos.

O projeto do Porto do Açu conta com 17 quilômetros de cais, quatro a mais que o Porto de Santos. Já foram investidos R$6,3 bilhões. A obra está em seu estágio final. Um dos terminais começa a operar em novembro, mas o complexo já conta com três multinacionais atuando, com previsão de mais duas entrarem em funcionamento ainda este ano e outras três no primeiro semestre de 2015. Duas outras empresas já estão com contrato fechado, mas ainda sem previsão de iniciar operação. Durante a construção foram gerados de sete a 10 mil empregos. Hoje, são 3,5 mil empregos diretos nas empresas.

“Convidamos o deputado Roberto Henriques porque pesquisamos o trabalho do legislativo e vimos que a atuação de Roberto se destaca em termos de projeto para a região. ”, explicou Caio Cunha.

Para Roberto Henriques, é primordial que ele, como deputado da região, acompanhe o desenvolvimento do porto para que projetos e ações possam ser feitos a fim de criar infraestrutura e aproveitar mão de obra regional. “O super porto é uma realidade e todo lugar onde há porto, há desenvolvimento. Foi assim com o Rio de Janeiro, com Santos e com Manaus. Precisamos é fazer um trabalho em conjunto para que cursos de qualificação, que atendam a demanda, sejam criados e que obras de infraestrutura sejam feitas para não causarmos um caos na região com o inadiável aumento populacional”, frisou Roberto.

Recentemente remessas de minério de ferro para exportação chegaram ao porto. De acordo com Cristiane, como o Porto do Açu tem uma capacidade muito maior, uma espera para atracar menor e está muito mais próximo da Bacia de Campos do que Macaé, por exemplo, a previsão é que o fluxo seja intenso quando estiver em pleno funcionamento.

Assecom do parlamentar

Garotinho rebate matéria da Veja on line


A matéria vergonhosa da revista Veja online falando a respeito "dos eletrodomésticos distribuídos por Garotinho" é a representação do desespero dos endinheirados com a minha candidatura ao governo do Estado. Como todo mundo sabe eu sou radialista e apresento um programa com sorteio de brindes há mais de 30 anos, e parei a apresentação do programa conforme determina a lei assim que meu nome foi homologado na convenção.


Segundo a matéria houve a distribuição de 160 prêmios entre eles, rádios portáteis, ventiladores, fornos de micro ondas e fogões, que totalizaram R$ 59.484 pelo valor máximo de mercado. O primeiro ponto a ser abordado é que sortear prêmios fora do período eleitoral como sempre fiz não é ilegal, muitos outros radialistas também fazem e já há decisão do TSE sobre o fato, que inclusive cassou a decisão da juíza eleitoral que tentou me tirar do ar antes do tempo. Pura perseguição. Aliás, juiz pode ficar dando entrevista antes do julgamento de uma ação? Acho que não. Pelo menos não é ético.

A segunda pergunta: no universo de 12 milhões de eleitores alguns brindes sorteados em junho, antes da convenção, que diferença fazem no resultado de uma eleição?

Isso é tudo orquestrado pela mídia comandada pela Globo, que quer empurrar goela abaixo a continuidade do governo Cabral através de Pezão e Gangue dos Guardanapos. Infelizmente, voluntariamente ou não, ações da justiça acabam contribuindo para o noticiário sensacionalista contra mim.

No Globo de hoje uma outra matéria diz que enviei cartas pedindo orações aos meus ouvintes do programa Palavra de Paz. Sou o único candidato a mandar carta aos eleitores? A prática é proibida por lei? Claro que não. Isso é apenas mais um sensacionalismo barato.

Em outra matéria em outro jornal das Organizações Globo é noticiado que numa mega operação no Complexo da Maré foi apreendido material de campanha, meu e de Clarissa, dentro de uma associação de moradores, e que havia junto remédios, faixas contra Eduardo Paes e Pezão, cesta básica e cadastro do Cheque Cidadão. Vamos à verdade.

Se dentro de um comitê meu fossem encontrados remédios ou outros materiais dessa natureza seria crime. Dentro da associação de moradores é papel e responsabilidade deles. Segundo soube as faixas foram de um movimento contra a remoção e derrubada de casas por parte da Prefeitura e do Estado, por isso as faixas contra Pezão e Eduardo Paes. As cestas básicas e a distribuição de remédios são feitas pela associação de moradores, não tenho nada com isso, lá é não é meu comitê. E como é público o Cheque Cidadão foi extinto desde 2007, um dos primeiros atos do governo Sérgio Cabral.

Na sua entrevista à Veja, a juíza Daniela Barbosa, contra quem vou representar diz: "O assistencialismo vai cooptando as pessoas. Centros sociais começaram a ser muito reprimidos, então candidatos criaram outras práticas assistencialistas. Tem que ser investigado se há origem ilícita nessa verbas". Com todo respeito, a magistrada está fazendo pré julgamento, deixando de ser juíza da fiscalização eleitoral e integrando o corpo de juízes do TRE. Ela apenas fiscaliza, não julga.

Outra aberração cometida por ela foi mandar retirar a placa do Centro Cultural Anthony Garotinho, em Campos, alegando que a simples exposição do meu nome na fachada do centro, que abriga 14 mil livros, vídeos e a memória da minha trajetória política, minhas realizações, constitui-se propaganda eleitoral. O centro cultural é o lugar mais visitado pelos jovens para pesquisa.

A perseguição nesses dias tem sido intensa, do tamanho do desespero deles com o meu crescimento nas pesquisas. Parece engraçado, seria cômico se não fosse trágico. Estão preocupados com a distribuição de brindes no programa de rádio feito com patrocínio, tudo dentro da lei. Agora me responda: e os milhões da Delta? E os milhões do pai de Eduardo Paes depositados no paraíso fiscal do Panamá? E a mansão cinematográfica em Mangaratiba comprada com dinheiro sem origem? E as obras superfaturadas do Maracanã? E a conta de Rodrigo Bethlem na Suiça? E o enriquecimento estratosférico da família Picciani de fazer inveja a Bill Gates? Bom, isso não tem importância. O que tem importância é o Garotinho distribuir - fora do período eleitoral - enxoval de bebê para mulheres pobres.

Anthony Garotinho
Deputado Federal

Garotinho gasta 16% de seu patrimônio, com eletrodomésticos, em uma semana e Polícia Federal investiga



"O ex-governador é investigado pela Polícia Federal por distribuir, em uma semana, quase 60.000 reais em eletrodoméstico no programa "Fala Garotinho", da Rádio Manchete. 

Técnicos coordenados pela juíza Daniela Barbosa, chefe de fiscalização do TRE, monitoraram o programa de rádio de Garotinho e se espantaram com os vultuosos valores gastos para distribuir máquinas de lavar, fogões, geladeiras e smarphones.

O valor foi estimado pelo tribunal a partir dos preços desses produtos em duas grandes redes varejistas. A tabela foi anexada à decisão judicial. A magistrada ordenou que a distribuição de brindes fosse interrompida e questionou como o candidato conseguiu distribuir tantos produtos sem patrocínio. Garotinho declarou à Justiça Eleitoral patrimônio de 303.538,65 reais e gastou o equivalente a 16% desse patrimônio em apenas uma semana. Hoje, Rosinha é a apresentadora do programa.

"Neste embalo, a cada semana o candidato distribui, no mínimo, 1/6 do valor de seu patrimônio declarado. É preciso analisar se a distribuição desmesurada de brindes e vantagens ao eleitor em potencial não é mero disfarce para aliciar o eleitor mais humilde e, assim, angariar votos. O programa não tem contrapartida financeira nem por meio de patrocinadores, tampouco por meio de intervalos comerciais", afirma a juíza na decisão".

A matéria completa por ser lida AQUI na Veja on line.

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Possível desvio de finalidade: decisão obriga a Prefeitura de Campos a retirar logo da OAB e de realizar obras em terreno.


clique para ampliar

Servidores de Quissamã terão novo cartão alimentação


Os servidores municipais devem ficar atentos quanto à utilização do cartão de benefício alimentação. A Prefeitura de Quissamã realizou procedimento licitatório para o fornecimento, administração e gerenciamento de vale-alimentação, e uma nova empresa será responsável pela prestação dos serviços.

A GREEN CARD encerra seu contrato com o município no dia 31 deste mês (agosto), e a empresa ALELO — vencedora do processo licitatório — passará a executar a partir do dia 1º de setembro os serviços.

A assessora da secretaria de Administração, Maria Bernadethe Azeredo, ressaltou que os créditos acumulados no cartão da GREEN CARD não serão transferidos para a nova prestadora.

“Os servidores devem descarregar os créditos do GREEN CARD até o dia 31 deste mês. Os novos cartões da ALELO serão entregues aos servidores nas secretarias que compõem o Governo. A previsão é que a entrega comece a partir do dia 1º de setembro” informou a assessora.

Aproximadamente 2070 servidores municipais são beneficiados com o vale-alimentação, no valor individual de R$ 297,73.

Assecom da Prefeitura de Quissamã

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Fiscais do TRE apreendem material de campanha de Garotinho, Gil Vianna e Lilian Sá em UBS.


Fiscais do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) encontraram material de campanha do candidato ao governo do estado, Anthony Garotinho, do candidato a deputado estadual, Gil Viana, e da candidata ao senado, Liliam Sá, em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de Saturnino Braga, nesta quarta-feira (27 de agosto). Uma funcionária do local foi afastada pela prefeita Rosinha e, em nota, o secretário de Governo, Suledil Bernardino, disse que o afastamento aconteceu “em cumprimento ao Decreto 74/2014, sobre as condutas vedadas aos agentes públicos municipais em período eleitoral”.

Sem esclarecer o que realmente aconteceu para que a funcionária da UBS fosse afastada, o secretário de Governo, Suledil Bernardino, afirmou na nota encaminhada à imprensa que “essa determinação da prefeita Rosinha também foi informada em ofício circular da Procuradoria Geral do Município aos secretários municipais, que assinaram o recebimento”.

O secretário de Governo também disse que foi orientada à secretaria de Saúde a abertura de sindicância administrativa para apurar os fatos.

Segundo a assessoria de imprensa do TRE-RJ, a operação foi cumprida com mandado de busca e apreensão determinada pelo juiz da 75ª Zona Eleitoral, após uma denúncia anônima. A equipe de fiscalização composta de 13 fiscais fez busca no Posto de Saúde e também na Creche Escola de Saturnino Braga.

No posto de saúde foram encontradas 22 panfletos de Garotinho na sala de depósito de materiais. Também foram encontrados seis adesivos de Gil Vianna, Garotinho e Liliam Sá, dentro de um Táxi, que se encontrava dentro do pátio do posto de saúde. Na creche escola, nada foi encontrado.

Outras apreensões - Na terça-feira (26), fiscais do TRE-RJ apreenderam material do candidato a governador do estado, Garotinho, e do candidato a deputado estadual, Gil Viana, no município. O caso foi encaminhado à Polícia Federal. No último dia 13, o Centro Cultural Anthony Garotinho também foi lacrado pelo Tribunal Regional Eleitoral após serem encontrados materiais do “kit enxoval” no espaço.

Terceira Via

Página contra Garotinho tem que ser retirada do ar


Em decisão liminar (provisória), o desembargador Wagner Cinelli, do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, determinou que o Facebook retire do ar a página "Garotinho de Novo, não", com críticas ao deputado federal e candidato ao governo pelo Partido da República (PR). Segundo o magistrado, o conteúdo das postagens "prejudica a imagem" de Garotinho e a "lisura do pleito eleitoral que se aproxima". Caso não cumpra a decisão em até cinco dias, a rede social terá que pagar multa diária de R$5 mil. A ação ainda terá seu mérito julgado (quando o juiz examinará com mais profundidade os fatos, podendo aplicar multa).



Processo relacionado: RP 4662-82
Siga o TRE-RJ no Twitter

Reunião com diretores de Escolas municipais‏ em SJB


A secretaria de Educação e Cultura de São João da Barra realizou na manhã desta quarta-feira, 27, mais um encontro com os diretores das unidades escolares da rede municipal de ensino. Na oportunidade foram apresentadas as novas propostas para o ano letivo, debatidas as questões que já estão em prática, além da troca de experiências entre os diretores da rede.

No encontro, os coordenadores e técnicos da secretaria de Educação orientaram os diretores com relação aos prazos e procedimentos dos projetos nas escolas. No programa "prefeito mirim", o prazo para entrega das redações é o dia 17 de setembro. Outros temas discutidos foram os preparativos para o desfile do dia 7 de setembro, com o tema sustentabilidade, a Olimpíada de Matemática do Estado do Rio de Janeiro e a etapa escolar da Feira Municipal de Ciência Tecnologia e Inovação. Outros temas debatidos foram a aplicação do Saerjinho, a Provinha Brasil e o agendamento da formação continuada dos professores da rede.

Para a secretária de Educação e Cultura de São João da Barra, Leide Cristina Soares, os encontros, que acontecem mensalmente, são positivos, pois favorecem o diálogo e a troca de experiências entre os profissionais da rede.

— Nossos encontros mensais são importantes para que todos compartilhem experiências e colaborem para continuar no caminho certo para uma educação de qualidade no nosso município — destacou a secretária.

Assecom da Prefeitura de SJB.

3ª Semana Literária de Quissamã inicia cheia de atrações para estudantes


Com o tema “Monteiro Lobato e Dorival Caymmi: um legado de sonhos, contos, cantos e encantos”, foi iniciada a 3ª Semana Literária de Quissamã, nesta quarta-feira (27). Cheia de atrações para os alunos de escolas da Rede Municipal de Ensino que visitaram o evento que acontecerá até a sexta (29), no auditório da prefeitura, em dois turnos: das 8h ás 11h30 e das 13h30 às 16h. Os estudantes foram recepcionados por personagens do Sítio do Picapau Amarelo como a Emília, a Cuca e o Saci Pererê.

A organização da 3ª Semana Literária é da Coordenação de Ensino da Secretaria Municipal de Educação (SEMED). As apresentações são diversificadas e são dedicadas especialmente aos 1.600 alunos da Educação Infantil até o 9º ano de escolaridade que participarão do evento nos três dias, além de professores, gestores, equipes técnicas e artistas e músicos quissamaenses.

O público foi dividido por idade para participar da festa literária, e este primeiro dia foi dedicado às crianças da Educação Infantil e do Primeiro Segmento do Ensino Fundamental, que curtiu coreografia da música 'Emília, Sacipererê e Sítio para todos nós', 'A Boneca de Pano' e 'A paz' (do grupo roupa Nova); animação cultural com voz e violão e com o Palhaço Alegria; contação de história: 'Pílula Falante', de Monteiro Lobato; teatro 'A magia do pirlimpimpim no Sítio do Picapau Amarelo' e a performance da música 'Disparada' (Zé Ramalho).

Na quinta (28) e na sexta (29) também acontecerão apresentações de coral, esquetes teatrais, monólogos, animações culturais, interpretações musicais, contação de histórias, coreografias, maculelê e jongo,dentre outras atividades. No último dia, haverá uma homenagem póstuma ao professor de teatro David Moreira com Igor Costa, interpretando Laysa Liza, personagem mais famoso dele, que trabalhava em Quissamã na ocasião em que faleceu. Serão apresentados diversos vídeos de depoimentos de ex alunos de David, sob a direção de Carol Moura.

A coordenadora de Ensino da SEMED, Amanda Fragoso, enfatizou a importância da realização da Semana Literária. “Esse é um evento pedagógico, cultural e artístico muito importante, que integra escolas, alunos, professores, gestores com um recheio especial de literatura e conhecimento. Hoje começamos a sonhar, cantar, contar e encantar com Dorival Caymmi, Jeca Tatu e demais personagens de Monteiro Lobato, além da homenagem local que será para o saudoso David Moreira. São grandes surpresas e emoções”, Declarou.

A realização da 3ª Semana Literária conta com uma grande mobilização de toda a equipe da Coordenação de Ensino da SEMED de Quissamã, e com a parceria das coordenadorias de Comunicação Social e Cultura e das secretarias de Governo e Esporte e Lazer.

Assecom da Prefeita de Quissamã

"A Polêmica" com Herbert Neves








terça-feira, 26 de agosto de 2014

IBOPE: Marina atinge 29%, ultrapassa Aécio e mira Dilma


Confira abaixo os números na modalidade estimulada da pesquisa (em que o pesquisador apresenta ao entrevistado um cartão com os nomes de todos os candidatos):
- Dilma Rousseff (PT): 34%
- Marina Silva (PSB): 29%
- Aécio Neves (PSDB): 19%
- Luciana Genro (PSOL): 1%
- Pastor Everaldo (PSC): 1%
- José Maria (PSTU): 0%*
- Eduardo Jorge (PV): 0%*
- Rui Costa Pimenta (PCO): 0%*
- Eymael (PSDC): 0%*
- Levy Fidelix (PRTB): 0%*
- Mauro Iasi (PCB): 0%*
- Brancos/nulos/nenhum: 7%
- Não sabe: 8%

* Cada um dos seis indicados com 0% não atingiu 1% das intenções de voto; somados, eles têm 1%
O Ibope ouviu 2.506 eleitores em 175 municípios entre os últimos sábado (23) e segunda-feira (25). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00428/2014.

Rejeição
Dentre os 11 candidatos a presidente, Dilma Rousseff tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Veja os números:
- Dilma Roussef: 36%
- Aécio Neves: 18%
- Pastor Everaldo: 14%
- Zé Maria: 11%
- Marina Silva: 10%
- Eymael: 9%
- Levy Fidelix: 9%
- Luciana Genro: 8%
- Rui Costa: 7%
- Eduardo Jorge: 7%
- Mauro Iasi: 6%

IBOPE: Garotinho mantém a ponta com 28% na preferência e 35% na rejeição


Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):

Anthony Garotinho (PR) – 28%
Luiz Fernando Pezão (PMDB) – 18%
Marcelo Crivella (PRB) - 16%
Lindberg Farias (PT) – 12%
Tarcísio Motta (PSOL) – 3%
Dayse Oliveira (PSTU) – 1%
Ney Nunes (PCB) - 1%

Brancos e nulos – 15%

Não sabem ou não responderam - 6%

Realizada nos dias 23 a 25 de agosto de 2014, a pesquisa entrevistou 1.204 eleitores. A margem de erro estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de três pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Rejeição

O Ibope também pesquisou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Quem tem a maior rejeição é o candidato Garotinho, com 35%. Pezão vem em segundo lugar com 20% de rejeição, seguido por Crivella e Lindberg, ambos com 19%. Ney Nunes aparece com 11%, enquanto Tarcísio marca 9% e Dayse, 7%. Eleitores que não souberam responder ou não responderam somaram 17%.

A pesquisa foi contratada pela TV Globo e foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº RJ- 00022/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo Nº BR – 00418/2014.

G1.

Justiça ordena e Rosinha convoca mais um aprovado em Concurso Público


A prefeita Rosinha Garotinho, mediante a Portaria nº 1389/2014, convocou a técnica de enfermagem Lilian Monsores Moreira dos Santos que, obteve, junto a Quinta Vara Cível da Comarca de Campos dos Goytacazes, liminar, em Mandado de segurança nº 002251-2014.8.19.0014, para tomar posse como concursada da Prefeitura de Campos, haja vista, que por meio dos trâmites administrativos, NÃO obteve êxito.

A Polêmica número 100 entrevista o Dr. Herbert Sidney Neves


Acompanhe nesta terça-feira, às 20h30 e às 22h30, a edição número 100 do Programa “A Polêmica”. Cláudio Andrade entrevista o diretor-presidente do Grupo IMNE, Dr. Herbert Sidney Neves, que traça um perfil consistente sobre a saúde nos âmbitos federal, estadual e municipal e também um paralelo sobre a saúde pública e privada.

Arguido pelo entrevistador, Dr. Herbert não se furtou a fazer considerações de caráter político que fazem jus ao nome do programa. O programa será exibido nos canais 25 da Blue Via Cabo e Ver TV, em HD no canal 425 da Blue Viacabo. Em Macaé, o programa vai ao nos canais 25 e 425 e, em Rio das Ostras, no canal 425 da Blue Via Cabo.

Terceira Via.

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Capacitação voltada para Saúde Mental‏ em SJB


Funcionários das secretarias de Educação e Cultura, Saúde e de Assistência Social e Direitos Humanos de São João da Barra, totalizando 130 pessoas, participaram da 1ª Capacitação em Saúde Mental, realizada nesta segunda-feira, 25, no Auditório Municipal. O objetivo foi evoluir na qualidade do atendimento aos portadores de deficiência mental e promover a integração desses profissionais.

Segundo a coordenadora municipal em Saúde Mental, Elizabeth Senra, a capacitação enfocou os “Princípios e diretrizes do SUS - um fazer interdisciplinar”, subdivido nos temas: SUS - dos aspectos históricos à atualidade; A construção da Rede de Atenção Psicossocial; Implementação da Saúde Mental na Atenção Básica; Urgência e emergência psiquiátrica, medicação e patologias mais comuns.

“No final da programação foi exibido o filme Si puo fare: Dá pra fazer, baseado em fatos reais que retratam a história das cooperativas surgidas na Itália após o movimento da luta antimanicomial iniciado pelo psiquiatra Franco Basaglia”, ressaltou Elizabeth.

O evento teve como palestrantes a especialista em Saúde Pública, Geiza Retameiro, a especialista em Saúde Mental, Atenção Psicossocial, Gestão e Pesquisa, Fernanda Monteiro, o psicólogo do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) de São João da Barra, André Aragão, e o médico psiquiatra da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) de São João da Barra, José Danilo Rangel.

Senra lembrou que o município oferece três unidades de assistência à saúde mental: Ambulatório Especializado em Dependência Química e o Caps, ambos em Atafona, além do Ambulatório Ampliado de Saúde Mental, funcionando no bairro Água Santa, na sede do município. “Atendemos também com psicólogo e psiquiatra em Sabonete, Cajueiro, Grussaí e Açu”, finalizou.

Assecom da Prefeitura de SJB

Defesa de Garotinho promete recorrer de ação do TRE que lacrou centro em Campos


A assessoria jurídica de Garotinho, de responsabilidade do escritório Lopes de Carvalho e Pessana Advogados, afirma que não há irregularidades no local.

"Não há sustentação do argumento da juíza do TRE para lacrar o local, alegando que o nome de Anthony Garotinho na placa de entrada faz apologia ao nome do candidato ao cargo de governador, pelo fato de que o Centro Cultural existe desde 2007, e se destinar a preservar a memória de sua trajetória na vida pública, independentemente de campanha eleitoral", dizem os advogados, por meio de nota.

"O centro é dotado de biblioteca pessoal do candidato Garotinho e as homenagens por ele recebidas durante toda a sua vida pública, e deveria servir de exemplo para os demais políticos, pois dá transparência a trajetória percorrida em toda sua vida pública", completam os defensores do candidato.

A assessoria jurídica promete ainda recorrer da decisão para reabrir o centro cultural.

Folha de São Paulo.

Centro Cultural Anthony Garotinho é lacrado por fiscais do TRE


Fiscais do Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ) lacraram, no início da tarde desta segunda-feira, o Centro Cultural Anthony Garotinho, na Rua Gil de Goes, no Centro de Campos dos Goytacazes. O espaço, que leva o nome do ex-governador e candidato ao governo do Rio pelo PR, foi fechado com mandado da juíza Daniela Barbosa Assumpção. 

A decisão foi dada com base na apreensão feita na semana passada no local, e quando foram encontradas fraldas e um cadastro com o nome de grávidas que receberiam um kit enxoval. Neste domingo, O GLOBO publicou reportagem que mostrava casos de grávidas em Campos e no Rio que seguem recebendo o kit, no período eleitoral, o que é vedado por lei.

Dezoito entradas, entre janelas e portas, foram lacradas. Também foi retirado do local um letreiro com o nome do candidato ao governo. No centro cultural também foi encontrado material com o nome “Missão Palavra de Paz”, ONG criada por Garotinho, ligada à editora Palavra de Paz, da qual o candidato é sócio.


Cerca de dez fiscais, do Rio e de Campos, participaram da operação, que durou três horas. A placa foi retirada com a ajuda do Corpo de Bombeiros. Garotinho afirmou que havia determinado a suspensão da distribuição a partir de julho, e que desconhecia que ela continuava ocorrendo. 

O Globo


Alô Rosinha Garotinho, isso é sério!


Na última semana, entrevistei para o Programa “A Polêmica”, transmitido pela 3ª Via TV (em Campos canal 25 da Blue Via Cabo e Ver TV; em Macaé canal 17 da Blue Via Cabo; em Rio das Ostras canal 25 da Blue Via Cabo) o arquiteto e urbanista Renato Siqueira.

Pois bem. Alguns relatos do entrevistado deixaram-me perplexo. Ao ser questionado sobre a colocação das ciclo faixas pela IMTT, Órgão da Prefeitura de Campos, o profissional foi categórico ao afirmar que essas ciclo faixas apresentam problemas sérios.

Quais problemas? A largura não passa de oitenta centímetros quando deveria ser de, no mínimo, um metro e meio, segundo a legislação vigente. Além disso, segundo o técnico, uma das ciclo faixas do Jardim Carioca não poderia existir uma vez que atravessa a pista de rolamento.

Tratam-se de informações sérias que necessitam de uma resposta célere dos responsáveis pelo IMTT. São centenas de pessoas que, todos os dias, utilizam as ciclo faixas sem as medidas mínimas que garantam segurança para os munícipes.

Outra questão séria abordada pelo arquiteto refere-se à “Cidade da Criança” que está sendo construída no Parque Alzira Vargas. Segundo notícias recebidas durante a entrevista, a Prefeitura de Campos não está respeitando o patrimônio público.

O Alzira Vargas, segundo Renato, é tombado pelo patrimônio histórico e por isso, não poderia ter a sua estrutura alterada o que, segundo ele, está ocorrendo sem qualquer manifestação das autoridades públicas.

Ainda em relação à “Cidade da Criança”, uma questão grave referente à mobilidade urbana foi levantada. A obra não previu qualquer local de estacionamento nas redondezas.

Isso significa que, ao ser inaugurado, o parque causará um nó no trânsito da Avenida. 28 de Março e das ruas próximas, prejudicando os motoristas, principalmente nos “horários de pico”.

Outra temática de extrema importância, posta à apreciação do telespectador, referiu-se ao processo nº 1598/2014/SEC/CMCG em que o vereador da base de apoio à prefeita Rosinha Garotinho, Jorge Magal, solicita a extensão do “Programa Cartão Campos Cidadão” ao Transporte Alternativo.

Trata-se de uma questão que não poderia estar sendo debatida sem que a viabilidade desse transporte fosse discutida à exaustão. A quantidade de reclamações sobre a segurança e da qualidade dos automóveis postos à disposição dos usuários é enorme.

Notícias dão conta de carros enferrujados - com portas que não fecham - e pneus carecas. Motoristas dirigindo de sandálias, sem contar com os carros particulares que estão servindo de lotada, levando riscos diversos aos cidadãos de Campos. Tudo sem que haja uma ação enérgica do Poder Público.

Reafirmo que é preciso observar também o que está sendo feito no Mercado Municipal. Ainda segundo o arquiteto entrevistado, há diversos erros no projeto e um deles é a previsão da retirada das árvores centenárias que estão localizadas na parte de trás do mercado, conforme afirmou Renato, em “A Polêmica”.

As revelações são incisivas e preocupantes. Respostas do Poder Público devem ser exigidas e dadas o quanto antes.

Não se pode permitir que a Administração Pública de nosso município se mova sem a mínima fiscalização da sociedade civil.

Sem uma pressão social, a situação parece passível de chancela. Contudo, com questionamentos firmes, contribuiremos para o aperfeiçoamento que nos renderá segurança e bem estar.

Cláudio Andrade.

Corpo de Antônio Ermírio de Moraes é velado em São Paulo


O corpo do empresário Antônio Ermírio de Moraes, que morreu aos 86 anos na noite de domingo (24) em São Paulo, é velado na manhã desta segunda (25) no salão nobre do Hospital Beneficência Portuguesa, na região central da capital paulista. O empresário morreu em sua casa no Morumbi, na Zona Sul, em razão de insuficiência cardíaca. Às 16h, o corpo deve seguir para Cemitério do Morumbi, onde vai ser sepultado.

Antônio Ermírio de Moraes deixa a esposa, Maria Regina Costa de Moraes, com quem teve nove filhos. Ele é reconhecido como um dos principais empresários brasileiros, responsável por consolidar o Grupo Votorantim como uma empresa de destaque no setor de cimento, celulose, agronegócio e extração de alumínio, entre outros.

G1.