sábado, 7 de setembro de 2013

FCJOL paga R$ 100.000,00 mil a Escola de Samba Unidos de Vila Isabel





Processo Administrativo nº 2013.019.000255-4
Objeto: Inexigibilidade de Licitação
Elementos Característicos: Contratação de profissional de qualquer setor artístico.
Partes: Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima e G.R.
Escola de Samba Unidos de Vila Isabel.
Referente: Contratação da Escola de Samba Unidos de Vila Isabel para apresentação no Campos Folia 2013 no CEPOP.
Preço: 100.000,00
Data: 27/04/2013

Captação ilícita de sufrágio NÃO é comprovada e cassação de Neco indeferida em SJB



A Juíza da 37ª Zona Eleitoral São João da Barra, Luciana Cesário de Mello Novais, julgou improcedente o pedido de cassação de diploma do prefeito José Amaro Martins de Souza, Neco, o vice Alexandre Rosa e o vereador Eziel Pedro, na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) 39184, movida pelo Partido da República (PR) e pela coligação São João da Barra vai mudar para melhor.

De acordo com a ação Neco e Eziel teriam doado material para a Igreja Assembleia de Deus, na localidade de Cajueiro, no período eleitoral. A acusação era de abuso de poder de econômico, captação ilícita de sufrágio, crime eleitoral. O pedido era de cassação de diploma, cassação de registro e declaração de inelegibilidade.

A sentença, com data de 27 de agosto, foi divulgada nesta sexta-feira, 6, no Diário da Justiça Eletrônico, número 195/2013, que será publicado no dia 09 de setembro de 2013.

Da captação ilícita de sufrágio

“de acordo com a prova produzida, a doação e cerimônia em questão, ocorreram no mês de maio de 2012, e, portanto, antes do requerimento do registro de candidatura dos investigados Eziel Pedro da Silva e José Amaro Martins de Souza (Neco). O mesmo se deu em relação a Alexandre Rosa Gomes. Sendo assim, considerando que não restou configurado o requisito temporal exigido pelo supramencionado dispositivo legal, não há que se falar em captação de sufrágio”

Do abuso do Poder Econômico

“Nesse contexto, a doação de ferragens para ampliação de uma igreja de pequeno porte, localizada no interior, e trinta sacos de cimento não configura abuso do poder econômico.

Por oportuno, cumpre-me esclarecer que, a meu sentir, o que ocorreu foi a realização de verdadeira propaganda eleitoral, ainda que de forma subliminar, tendo em vista que, da análise da mídia, se extrai o nítido propósito de promover pessoalmente Eziel com vistas à eleição de 2012. Registre-se que tal questão já foi abordada por ocasião do Processo nº 415-15.2012.6.19.0037, no bojo do qual o ora investigado foi condenado, em primeira instância, ao pagamento de multa no montante de R$ 20.000,00 (vinte mil reais)

Isso posto, JULGO IMPROCEDENTES os pedidos”.

SJB News e Blog do Bastos.

Manifestantes invadem desfile no Rio






10 pessoas detidas em manifestação após confronto.


Rede Social criada por um professor campista vence mostra Científica



Uma rede social na internet, onde o usuário pode compartilhar experiências, aprender e produzir conhecimentos na área de educação. Este é o objetivo da Resa, Rede Saberes Coletivos. Uma ferramenta criada pelo professor do IseCensa, André Uébe, como trabalho de Doutorado e que acabou sendo aplicada na prática para os alunos da instituição.

O objetivo inicial foi servir como um meio de promover o compartilhamento dos saberes acadêmicos e ao mesmo tempo a interação no estágio supervisionado dos alunos do curso de administração do Instituto Superior de Educação do Centro Educacional Nossa Senhora Auxiliadora – ISECENSA, mas acabou servindo como meio de interação para alunos, professores e o público em geral interessados em conhecimento científico e assuntos referentes à ciência.

Hoje, Resa está disponível a qualquer pessoa ou instituição do Brasil ou exterior. A diferença dessa rede social é que ela oferece um conteúdo de qualidade e não tem fins lucrativos, não sendo permitido seu uso comercial. A Resa têm ferramentas de chat, vídeo, fórum de discussão, livro digital. Além disso, o usuário pode criar comunidades com qualquer tipo de saber.

“Pela primeira vez se consegue colocar em prática um mecanismo útil para educação em nível mundial, pois pessoas de diversos países podem trocar conhecimento. O Resa está acessível a todos e oferece várias ferramentas, como por exemplo, permite o professor a preparar aulas e compartilhar saberes”, explicou.

A Resa , que está em funcionamento desde 2011, foi o projeto vencedor da I Mostra Científica do Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro. A cerimônia de certificação do projeto acontecerá no dia 09 de setembro (Dia do Administrador), no Rio de Janeiro, durante o VI ENCAD - Encontro de Administradores do Rio de Janeiro, no centro de convenções da bolsa de valores.

Qualquer pessoa pode acessar e compartilhar conhecimento. Para se cadastrar é só acessar a página virtual pelo endereço www.resa.net.br.

Ímpar Comunicação. 2733-1415

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Ex-prefeito de Campos na saúde de SJB


Arnaldo Vianna


O ex-prefeito de Campos dos Goytacazes e ex-deputado federal Arnaldo França Vianna é o novo integrante da Saúde de São João da Barra.

As informações são do ‘blog do Bastos’,’ Na curva do Rio’ e’ SJB News’.

Idosa não encontra vacina antitetânica em postos de saúde de Campos




Uma idosa de 73 anos aguarda, há uma semana, a chegada da vacina antitetânica na rede pública de Campos. Ângela Gomes foi mordida por um gato e já tomou a 1ª dose da vacina e, por recomendação médica, ainda precisa de duas doses.

Na semana passada, ela foi à Secretaria Municipal Saúde, ao Centro de Referência e Tratamento da Criança e do Adolescente (CRTCA), ao Hospital Ferreira Machado (HFM) e ao Hospital Geral de Guarus (HGG), mas não encontrou antitetânica.

Na quinta-feira (5), ela fez o mesmo trajeto, mas não obteve resultado positivo e voltou para casa com a dúvida se receberá a imunização, já que não há informação de quando a vacina chegará.

“Eles falam pra voltar na próxima semana. Eu preciso da vacina e não tenho condições de pagar em uma clínica particular. Também não acho justo pagar por uma coisa que tenho direito de receber no órgão público”, argumenta a idosa.

Fonte: Terceira Via

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Roberto Henriques na tribuna da Alerj sobre o caso "Meninas de Guarus"




O deputado Roberto Henriques irá usar a tribuna da Alerj para falar acerca do caso “Meninas de Guarus”. Assistam pela TV Alerj através do endereço www.tvalerj.tv AQUI

Roberto Henriques solicita comissão para acompanhar obras no Açu



"A criação de uma comissão especial para acompanhar os investimentos no Complexo Portuário do Açu e a situação dos trabalhadores envolvidos no empreendimento, no município de São João da Barra, estava na pauta de discussões dessa quarta-feira (4) da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), mas, até o fechamento desta edição, ainda não havia sido apreciada.

A comissão é uma solicitação do deputado Roberto Henriques (PSD), que aponta uma “desmobilização da execução de investimentos” no porto. “Fatos noticiados têm gerado especulações e insegurança para toda a região Norte Fluminense, já tão impactada e mobilizada em torno do referido empreendimento”, alega o deputado estadual".

A matéria na íntegra pode ser lida AQUI na Folha da Manhã.

Deputado loca frota inteira de empresa sem sede na cidade de Macaé



O deputado Adrian Mussi (PMDB-RJ) aluga dois veículos da empresa DCS Moura, empresa de Macaé (RJ) que não tem escritório na cidade e nem permissão da Junta Comercial do Estado para alugar veículos. Entre 2012 e 2013, o parlamentar já desembolsou quase R$ 80 mil. A despesa é custeada pela Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap) da Câmara dos Deputados, o cotão. A firma foi criada quatro meses antes da primeira contratação pelo deputado. E pertence a uma ex-subordinada da irmã dele em uma prefeitura. A locadora só tem dois carros, mas, segundo funcionário, nenhum estaria alugado ao deputado. Ao contrário, Adrian Mussi diz que os dois são alugados para ele. A empresa não tem sede.

No endereço da DSC Moura cadastrado na Junta Comercial, há apenas uma agência da Caixa Econômica. Funcionários do local afirmaram aoCongresso em Foco que nunca repararam em outra firma funcionando no mesmo edifício e que não há qualquer estacionamento próximo ao local, onde os carros da empresa poderiam ficar estacionados. Segundo o gabinete do deputado, o endereço registrado está errado e a locadora funciona em outro local.

A TV Globo localizou um senhor que afirmou ser funcionário da empresa, que disse que a locadora DCS Moura só possuía dois veículos em sua frota: um Toyota Corolla, que estaria parado por falta de contrato, e uma van, que estaria fazendo transporte escolar na cidade. A emissora exibiu os dois carros. Coincidência ou não, os veículos são do mesmo modelo que Adrian Mussi aluga na DCS Moura, segundo informou a sua assessoria de imprensa aoCongresso em Foco.

A matéria na íntegra por der lida AQUI no site Congresso em Foco.

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Possíveis fantasmas serão investigados na Câmara de Campos



Foi publicado, ontem (3 de setembro), no Diário Oficial do nosso município, o Ato Executivo 028/2013. Esse ato criou a Comissão de Sindicância que irá apurar as denúncias feitas pelo ex- Gerente de Pessoas da CMCG (Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes) sobre funcionários da Câmara que teriam assinado o ponto de presença, mas não cumpriam a carga horária, o que pode ter ocorrido na gestão presidida por Nelson Nahim.

Para compor o grupo de trabalho, o Presidente da Casa - Edson Batista – designou o Vereador Thiago Virgílio Teixeira de Souza, Miguel Ribeiro Machado (Miguelito) e Kellenson Ayres (Kellinho).

Não restam dúvidas de que a apuração deve ser feita e de que caso sejam as denúncias comprovadas, deve haver punição severa e igualitária. Porém, para que se evitasse qualquer insinuação de possível perseguição política tendo como alvo Nelson Nahim -último Presidente da Casa- a Oposição deveria estar integrando o grupo encarregado da apuração dos fatos.

Trata-se de uma ‘acusação’ que pode vir a causar sérias repercussões. Desse modo, seria muito indicado que, ao menos um edil não pertencente ao grupo que apoia a Prefeita Rosinha, estivesse participando dos trabalhos, para que o resultado obtido não venha a ser contestado por alegação de suspeição.

Em verdade, os vereadores que estão compondo a Comissão de Sindicância se encontram em uma verdadeira ‘saia justa’. Isso porque esse tema, juntamente com a polêmica do Concurso da Câmara, forma um pacote de acusações contra nada mais nada menos do que Nelson Nahim: irmão de Garotinho.

Com o fim da investigação, o único resultado que pode dar crédito à Comissão é a comprovação de ilegalidades na gestão de Nahim. Caso contrário, estaremos diante de uma situação passível de indenização judicial em favor do atual Presidente da FENORTE, Nelson Nahim.

Em virtude disso, é que a inclusão de um vereador de Oposição, na Comissão de Sindicância, conferiria maior credibilidade aos trabalhos e não deixaria a investigação nas mãos somente dos vereadores que sustentam a Administração de Rosinha Garotinho.

Mas infelizmente, a Comissão começará a trabalhar sem o olhar da Oposição. Nesse caso, perdem todos. Acaso o resultado das investigações não comprove nenhuma ilicitude, a imagem dos vereadores da Base fica arranhada. Já se o resultado for positivo (irregularidade comprovada), estará eivado de questionamentos, pois somente vereadores da Situação participaram da análise.

Enfim, como dizia o pastor americano Martin Luther King: “O perdão não é um ato ocasional; é uma atitude permanente”. Então, quem será perdoado?

Cláudio Andrade

Cargo de Diretor: vereador Genásio diz que existem funcionários na casa capacitados e que custariam menos


Li  AQUI  no blog do Bastos uma matéria que cita a conduta do vereador Genásio. A matéria se refere às citações do nobre edil em relação à possibilidade de eleição para a diretoria da Câmara e as licitações realizadas pela Casa do Povo.

Ato contínuo entrei em contato por telefone com o vereador e o mesmo disse existir na Câmara funcionários com mais de trinta anos de casa compromissados e capacitados e que poderiam estar exercendo o cargo de Diretor com um custo menor para o Legislativo.

Em relação às licitações realizadas pela Casa Genásio entende que é inadmissível que as homologações não passem pelo plenário. O vereador finalizou que não aceita que um numerário de vinte e oito milhões seja aprovado sem a participação da coletividade.

Roberto Henriques no "Folha no ar"

Linda empossada



"Em seu primeiro discurso na Câmara de Campos, a vereadora Linda Mara Silva (PRTB), visivelmente emocionada, comentou sobre a sua missão no Legislativo. “Minha missão nesta Casa será focada na luta pelo povo mais carente. Mexeu com o povo, mexeu comigo”, disse, lembrando que veio do interior do Paraná e, com muitas dificuldades, alcançou os seus objetivos.

A vereadora destacou a importância do deputado federal Anthony Garotinho (PR) em sua vida e a sua amiga, a prefeita Rosinha Garotinho (PR). “Eles me ensinaram a ver o povo de forma diferente. Eu sei reconhecer uma verdadeira amizade”, frisou.

Ela também citou o vereador eleito Mauro Silva (PT do B). “É bom deixar claro que estou aqui porque ele deixou o Legislativo para contribuir de uma outra maneira. Desejo toda felicidade do mundo ao Mauro”, disse.

Peitudos — Linda Mara também pediu licença para chamar seus novos colegas de “peitudos”. “É uma forma carinhosa. Posso dizer Vossa Excelência Peitudo”, brincou".

Fonte: Blog do Bastos

FCJOL pagará R$ 585.291,00 mil em passagens aéreas




FUNDAÇÃO CULTURAL JORNALISTA OSWALDO LIMA
EXTRATO CONTRATO
PROCESSO n.º 2013.019.000550-7-PR
PREGÃO PRESENCIAL nº 013/2013
CONTRATO Nº 126/2013
OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM FORNECIMENTO DE PASSAGENS AÉREAS PARA ATENDER AS NECESSIDADES DA FUNDAÇÃO CULTURAL JORNALISTA OSWALDO LIMA.
CONTRATANTE: FUNDAÇÃO CULTURAL JORNALISTA OSWALDO LIMA
CONTRATADA: L. M. VIAGENS E TURISMO LTDA, inscrita no CNPJ nº 05.870.176/0001-18.
valor MÁXIMO para CONTRATAÇÃO: R$ 585.291,00 (quinhentos e oitenta e cinco mil duzentos e noventa e um reais).
FORMA DE JULGAMENTO: MAIOR PERCENTUAL DE DESCONTO.
(A Contratada ofertou um desconto de 2% (dois por cento) que incidirá sobre o volume dos serviços contratados, conforme demanda, excluídas as taxas aeroportuárias de embarque.
PRAZO DE EXECUÇÃO: 12 (doze) meses.
Campos dos Goytacazes, 21 de agosto de 2013.
Patrícia Cordeiro Alves
=Presidente da FCJOL=
Id: 1553438

Meninas de Guarus: Roberto Henriques oficia solicitando informações sobre a conclusão do inquérito



O deputado estadual Roberto Henriques encaminhou ontem, 3, ofício à promotora que assumiu o caso “Meninas de Guarus”, Renata Felizberto Nogueira Chaves, solicitando informações acerca do inquérito sobre o caso envolvendo uma rede de pedofilia em Campos, tornado público pela imprensa em 2009, com notícias de extorsão e assassinato, mas ainda cercado de mistérios. Roberto foi o requerente do pedido de audiência pública realizada pela Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa em maio deste ano, na Câmara Municipal de Campos. Após a audiência a comissão recebeu informação do Procurador Geral, Marfan Martins Vieira, de que o Ministério Público retomaria o caso.

No ofício, o deputado quer saber a previsão de conclusão do inquérito e quais os caminhos percorridos deste então. Além disso, pergunta que autoridade policial e em qual delegacia de polícia encontra-se o inquérito. “Nosso objetivo é responder aos anseios da sociedade, ainda perplexa com os pavorosos casos relatados e carente de respostas”, disse Roberto Henriques.


Assessoria de comunicação do deputado estadual Roberto Henriques
Júlia Maria de Assis
(22) 9891-4124
(21) 8890-4584

Carla Machado faz declaração firme acerca da nomeação de Ranulfo e de sua relação com Garotinho

Foto: Cade News


Hoje ao ler a coluna da jornalista Berenice Seara no jornal "Extra" cheguei a conclusão que tem cobra rasteira, interesseira e amiga do poder, tentando me picar...Não precisei de muito tempo e entendi perfeitamente o porquê da postagem... Todos tem observado que tenho me mantido afastada e quieta com relação a administração do prefeito que me sucedeu, até porque, está muito cedo para avaliarmos e até mesmo por uma questão de ética. O prefeito Neco, eleito com o nosso apoio, tem todo o direito de nomear quem quer que seja, como também a responsabilidade da condução da sua gestão cabe exclusivamente à ele. Se o prefeito quis nomear o Sr. Ranulfo Vidigal, é uma prerrogativa deste que tem o poder de decisão. 

Afirmo que não fiz parte do governo cassado do atual Secretário de Fazenda e que também não faço parte do seu círculo de amizade, assim sendo, o conheço muito pouco para fazer qualquer pré-julgamento . Fiz parte do grupo político do Deputado Garotinho sim, como tantos outros políticos do Estado e principalmente da nossa região fizeram. Hoje o cacique do PR é o maior colecionador de desafetos políticos e quem não quiser se tornar inimigo deste, é melhor não se aproximar do mesmo... O meu afastamento do nobre parlamentar, é antigo, não suscita dúvidas e DEFINITIVO. No mais, não façam comparações, nem me provoquem, pois prefiro permanecer envolvida em questões mais importantes, aproveitando muito melhor o meu tempo.

 A verdade tarda mas não falha...

Carla Machado
Via facebook


A matéria que originou a declaração de Carla Machado

Garotinho apresenta sua versão acerca do caso Grácia



A PERSEGUIÇÃO DA JUÍZA GRÁCIA CONTRA GAROTINHO E ROSINHA

"Vejam a que ponto, uma Magistrada chega para atender a interesses que passam longe de ser republicanos.

O Ministro Marco Aurélio do Supremo Tribunal Federal determinou que eu seja ouvido em um inquérito que o ex-Procurador-Geral da República, Roberto Gurgel, propôs contra mim, após uma representação da juíza Grácia Cristina Moreira do Rosário.

A Magistrada alega que foi perseguida por mim em um aeroporto, que eu segui os passos dela, sendo que eu nunca fui apresentado, nunca estive e sequer vi uma foto dessa Senhora.

Ela chega a dizer no ofício enviado ao ex-Procurador Roberto Gurgel, que se locomove a cada semana de uma maneira diferente no trajeto do Rio de Janeiro para Campos: de ônibus, carro, avião e que só não experimentou ir de bicicleta ou a pé, pois se sente perseguida por mim.

No final, ela diz que alguém tem que tomar uma atitude para "amenizar o meu tormento".

Muito pelo contrário, perseguição, sofremos eu e Rosinha com as decisões injustas dessa Juíza.

Para quem não se lembra, ela foi quem determinou em 2011 o afastamento da minha esposa, Rosinha Garotinho, da Prefeitura de Campos, atropelando a Lei, já que os meus advogados haviam levantado a suspeição dela por conta da sua parcialidade para nos julgar. A decisão ocorreu no dia 28/09/2011 e o Tribunal Regional Eleitoral determinou que a Rosinha voltasse ao cargo dois dias depois.

Pela Legislação, quando alguém levanta a suspeição do Juiz, ele deve enviar o processo para que o Tribunal Regional Eleitoral avalie se ele pode ou não dar a sentença naquele processo, porém, no caso da Rosinha, a Juíza passou por cima da Lei e a afastou do cargo, sem esperar o exame da suspeição.

Terei o maior prazer em ir prestar qualquer esclarecimento acerca dos fatos protagonizados pela Juíza Grácia em Campos e, principalmente, dar ciência de todo o tormento que essa Magistrada causou no Município, cumprindo as ordens do Senhor Luiz Zveiter, então todo poderoso da Justiça do Rio, que está as vias de ser aposentado compulsoriamente pelo Conselho Nacional de Justiça".

Blog do Deputado Federal Garotinho
Matéria publicada também no blog "Na curva do Rio" de Susy Monteiro

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Caso E.M Carlos Chagas: secretária de Educação noticia que alunos NÃO ficaram sem merenda




A Secretária Municipal de Educação, Cultura e Esportes, Marinéa Abude afirma que, em nenhum momento, os alunos da Escola Municipal Carlos Chagas ficaram sem merenda. A unidade estava sem merendeira, mas a diretora da escola preparava o alimento. Ela acrescenta ainda que a situação já foi resolvida com encaminhamento de um profissional desta área para a unidade.

Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Campos dos Goytacazes

Linda é convocada por Edson para assumir a vaga de Mauro




ATO EXECUTIVO Nº 029/2013

O Presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, Estado do Rio de Janeiro, no uso de suas atribuições legais, RESOLVE convocar a Sra. Linda Mara da Silva, na condição de primeira suplente da Coligação: Campos Ainda Melhor (PRTB/PT do B) para ocupar a vaga do Sr. Mauro José da Silva, que em publicação no Diário Oficial do Município de Campos dos Goytacazes, em 02/09/2013, página 03, através da Portaria nº 2811/2013, a Exma. Sra. Prefeita, Rosinha Garotinho, nomeou o referido Vereador, para exercer o cargo de Secretário Municipal de Comunicação. Tal convocação é feita com base no § 3º do Art. 67 c/c § 1º do Art. 71 do
Regimento Interno deste Legislativo e no § 1° do Art. 16 da LOM.

Campos dos Goytacazes, 02 de setembro de 2013.
EDSON BATISTA
- Presidente -
Id: 1552623

Comissão para apurar denúncia de funcionários fantasmas NÃO tem vereador da Oposição




ATO EXECUTIVO Nº 028/2013

O Presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, Estado do Rio de Janeiro, no uso de suas atribuições legais, RESOLVE instaurar Comissão de Sindicância e designa a Comissão de Fiscalização desta Casa Legislativa, formada pelo Vereador: Thiago Virgílio Teixeira de Souza, no exercício da Presidência e Assessorado pelos Edis: Miguel Ribeiro Machado e Kellenson Ayres Kellinho Figueiredo de Souza, para apurar denúncias do ex- Gerente de Pessoas - CMCG, acerca de possíveis funcionários que assinavam ponto e não cumpriam horários.

Campos dos Goytacazes, 02 de setembro de 2013.

EDSON BATISTA
- Presidente -

Caso magistrada: ministro Marco Aurélio requer oitiva de Garotinho e Rosinha





A Folha de São Paulo informa AQUI a abertura de inquérito contra o deputado Garotinho por calúnia e difamação em relação à magistrada Gracia Cristina Moreira do Rosário. 

Conforme podemos observar no link do STF AQUI, na decisão monocrática há diligências a serem cumpridas.  



Segue o andamento atualizado:

O Procurador-Geral da República, à folha 2 à 5, encaminha os autos do Procedimento Administrativo MPF/PGR nº 1.00.000.01264/2011-25, visando a instauração de inquérito em razão da existência de indícios da suposta prática dos crimes previstos nos artigos 147 (ameaça) e 139 (difamação) do Código Penal pelo deputado federal Anthony Garotinho.

Requer seja determinada a realização das seguintes diligências:

a) realização de perícia pelo Serviço de Perícias em Informática do Instituto Nacional de Criminalística para confirmar a autenticidade das mensagens veiculadas;
b) a oitiva de Rosinha Garotinho e do Deputado Federal Anthony Garotinho.

2. O inquérito foi autuado no Supremo, estando, assim, instaurado.

INQ 3741 / DF

Sob tal ângulo, descabe qualquer providência.
No mais, as diligências pretendidas visam esclarecer o que contido na peça formalizada pelo Procurador-Geral da República e nos documentos que a acompanham.
3. Defiro-as.
4. Publiquem.
Brasília – residência –, 24 de agosto de 2013, às 16h50.
Ministro MARCO AURÉLIO
Relator 2

Professor noticia falta de merenda na E.M. Carlos Chagas em Campos dos Goytacazes

Foto do facebook

Alunos do segundo e terceiro turno da Escola Municipal Carlos Chagas estão sem merenda escolar (almoço e janta), não por falta do alimento, mas do profissional para cozinhá-lo. A direção alega que já enviou ofícios à SMECE (Secretaria Municipal de Educação Cultura e Esporte, ex SMEC), mas sem sucesso. O serviço é prestado por empresa terceirizada que afirma não ter autorização da Prefeitura para enviar o funcionário. Outra coisa: alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos) são transportados em Kombi lotada em ruas esburacadas.

 A evasão escolar é grande no segmento devido à falta de transporte adequado. Gostaria de saber onde estão os “educadores” da SMECE que fecham os olhos para isso. Tomarão alguma providência ou permanecerão fechados em suas salas com cafezinho, ar condicionado e biscoitinhos; organizando congressos e seminários surrealistas, enquanto alunos permanecem sem merenda? Mais uma coisa: alimento tem prazo de validade. Em breve o que está na despensa não poderá ser consumido. Compartilhem, por favor. Quem sabe as autoridades (se é que elas existem) deixam de se fingir de mortas e resolvem o problema, caso contrário perderei a centelha de respeito que ainda nutro por algumas delas. Descaso com a merenda e com o transporte escolar é o fundo do poço. Lamentável que estejamos chegando a ele. Depois querem cobrar resultados milagrosos de nós, professores.

Adriano Moura.
Matéria também replicada no Blog do Bastos

STF abre inquérito para investigar Garotinho pelos crimes de ameaça e calúnia contra magistrada



O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio Mello autorizou a abertura de um inquérito para investigar o deputado Anthony Garotinho (PR-RJ) pelos crimes de ameaça e calúnia contra a juíza Gracia Cristina Moreira do Rosário.

Em setembro de 2011 a juíza, atuando na Justiça Eleitoral, cassou o mandato da prefeita de Campos dos Goytacazes (RJ), Rosinha Garotinho.

Dois dias depois, uma decisão do TRE (Tribunal Regional Eleitoral), no entanto, reestabeleceu o mandato de Rosinha.

Neste meio tempo, de acordo com o pedido de investigação feito pelo então procurador-geral da República Roberto Gurgel, a juíza foi alvo de ameaças publicadas no blog de Garotinho.
Além disso, numa ocasião em que a data não foi especificada, ela teria sido seguida pelo deputado no aeroporto Santos Dumont (RJ).

"Ao entrar no aeroporto Santos Dumont para regressar à cidade de Campos dos Goytacazes, percebi a presença do deputado Anthony Garotinho seguindo meus passos, literalmente atrás de mim", diz trecho do pedido de investigação citando depoimento da juíza.

O documento do Ministério Público ainda cita mensagens divulgadas no blog dizendo que ela, se fosse pega pelo "povão", seria linchada. Mostra também ofensas à honra da magistrada, que é chamada de "juizinha safada" que sabe fazer o "joguinho sujo".

Fonte: Folha de São Paulo AQUI

Advogado campista sofre acidente e espera cinco horas por diagnóstico no HFM




 Terceira Via TV



Após sofrer um acidente na Rodovia dos Ceramistas, em Campos, na noite de sábado (31 de agosto), o advogado Fábio Gomes de Freitas Bastos, 25 anos, teve que esperar quase cinco horas para receber o diagnóstico no Hospital Ferreira Machado (HFM), em Campos.

Tudo porque o HFM, referência no atendimento de emergência em Campos e nas regiões Norte e Noroeste Fluminense, tem apenas um tomógrafo em situações precárias, pois o aparelho não funcionou no momento em que o a vítima precisou.

O pai do advogado, Mauro de Freitas Bastos, acompanhou de perto a aflição do filho que sentido fortes dores e falta de ar teve que passar por várias radiografias, já que o aparelho de tomografia, o indicado para o diagnóstico preciso, não teria suportado o peso de Fábio.

“Fique assustado com a precariedade do hospital. Não por parte da equipe médica, que prestou um excelente atendimento, mas pelas condições oferecidas aos pacientes. Meu filho ficou no corredor até que fosse levado para a tomografia, que não teve êxito. Falaram que era por causa do peso dele, mas como pode um aparelho não suportar 115 quilos de uma pessoa?”, indagou o pai.

Ao presenciar a situação, Mauro disse que entrou em pânico e queria que o filho fosse transferido. Porém, ele corria risco de morrer. “Mesmo com a situação precária do aparelho, o médico Aroudo Igrejas não desistiu e ficou no caso do meu filho até dar um diagnóstico. O Fábio chegou ao hospital por volta das 9h e só depois das 2h da madrugada, ele passou por uma drenagem no tórax. Foi aí que ele respirou melhor”, contou.

Na tarde de domingo (1º de setembro), Fábio foi transferido para o Hospital Geral Dr. Beda, onde está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O estado de saúde do advogado é considerado estável.

De acordo com o médico do Hospital Dr. Beda, André Porto, assim que chegou à unidade o advogado passou por uma tomografia de contraste que evidenciou três costelas fraturadas. Fábio sofreu um traumatismo de tórax, o que é de extrema importância a realização de uma tomografia para evitar que aconteça algo de pior.

“É uma irresponsabilidade um hospital de trauma do porte do Ferreira Machado ter apenas um tomógrafo. E ainda por cima um aparelho velho, sem manutenção que nem suporta nem o peso do paciente. Felizmente, o Fábio já está fora de perigo e acompanhado pela equipe do Dr. Marcelo D’ávila”, disse Porto.

A Assessoria de Imprensa do Hospital Ferreira Machado (HFM) ficou de enviar nota a respeito do assunto.

Fonte: Terceira Via TV.

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Roberto Henriques pede para Garotinho sair do armário




"Em entrevista ao programa “Folha no Ar”, ao comentar sobre a possibilidade de ser um dos alvos do grupo liderado pelo deputado federal Anthony Garotinho (PR), o deputado estadual Roberto Henriques (PSD), disparou: “É lógico que ele vai tentar me atrapalhar. Na verdade, ao lançar um monte de candidatos, ele vai tentar atrapalhar até os seus próprios aliados. Mas o que venho dizendo é o seguinte. Ele precisa sair do armário. Tem vários lugares que ele parece controlar, mas não aparece. Está no armário da rádio Manchete, da rádio Diário, da Palavra de Paz, da Câmara de Campos e da Prefeitura. É muito armário para um homem só. Ele precisa sair do armário e assumir tudo isso”, disse Henriques.

Dona Flor e seus dois maridos — Segundo Henriques, tem muito político em Campos com dois maridos. “No Rio são aliados de secretários do governador Sérgio Cabral e, em Campos, servem ao Garotinho, que é adversário do governo estadual. Agem como aquela personagem do filme Dona Flor e seus dois maridos”, afirmou, citando os vereadores Thiago Virgílio (PTC), Genásio (PSC) e José Carlos (PSDC), além de membros do PSB".

Fonte: Blog do Bastos.

Prefeito Neco visita vários Ministérios em Brasília‏




Buscando angariar recursos federais para o município, o prefeito de São João da Barra, José Amaro de Souza ( Neco) cumpriu uma extensa agenda em Brasília na semana passada. Ao todo, Neco esteve em três ministérios (Comunicações, Esportes e Pesca) e conseguiu importantes avanços nas respectivas áreas.

Durante a visita, o prefeito Neco e sua cúpula se reuniu com Margarett Cabral, chefe de Gabinete do Ministro da Pesca Marcelo Crivella e o diretor nacional do Departamento de Infraestrutura e Logística, Jorge da Silva Júnior. Na pauta, a busca por recursos para o trabalho de desassoreamento da foz do rio Paraíba do Sul, visando melhorar as condições de navegabilidade tanto da foz quanto nos canais, trazendo melhores condições de trabalho para a classe pesqueira. Neco informou que a chefe de gabinete e o secretário nacional garantiram que o desassoreamento da foz é uma das prioridades do Ministério.

“Para embasar nossos argumentos a respeito da importância desse projeto, levamos um levantamento fotográfico feito pela secretaria de Meio Ambiente e ele foi muito importante para mostrarmos as condições de navegabilidade existentes hoje e a urgência dessa ação. Os estudos técnicos para o projeto executivo que vai anteceder todo o trabalho começarão em breve, em caráter de urgência”, informou o prefeito.

Neco se reuniu também com o diretor do Departamento de Infraestrutura para Inclusão Digital, Américo Tristão e recebeu a notícia que o projeto de implantação da fibra ótica em São João da Barra está entre os 400 selecionados pelo Ministério das Comunicações, dentre os mais de 1.800 que foram apresentados. A previsão é que ainda este ano inicie a implantação da fibra ótica no município. Todas as obras e equipamentos ficarão por conta do Ministério, inclusive o servidor. A contrapartida do município é apenas oferecer um espaço de 18 metros quadrados, dentro das especificações técnicas definidas pelo Ministério, para a instalação. O objetivo da fibra ótica é dotar os municípios brasileiros de condições para o desenvolvimento de alta tecnologia, além de modernização da administração pública, permitindo a implantação de programas e sistemas que visem oferecer melhores serviços aos cidadãos.

No Ministério do Esporte, o prefeito esteve reunido com o subsecretário nacional de Projetos Esportivos para a Adolescência e Terceira Idade, Randal Tavares, onde foi apresentado o projeto Vida Melhor, cujo edital será publicado na primeira quinzena deste mês.

“Vamos trazer esse projeto para São João da Barra, para que nossos jovens da Melhor Idade possam ter atividades direcionadas ao bem-estar e à melhoria da qualidade de vida”, disse o prefeito Neco.

Em seguida, o prefeito e sua cúpula se reuniram com chefe de Gabinete do Ministro Aldo Rebelo, João Luiz dos Santos. O tema da conversa foi o projeto da Vila Olímpica, que será construída em parceria com o governo do Estado. João Luiz disse que ficou impressionado e adiantou que o projeto já está sendo incluído no orçamento deste ano.

Jerônimo M. Rangel
Secretário de Comunicação Social

Ideia: senador Crivela lidera com Garotinho e Pezão em empate técnico




O ministro Marcelo Crivela (Pesca) lidera a disputa pelo governo do Rio de Janeiro em pesquisa do Instituto Ideia. Na simulação em que o senador licenciado do PRB aparece, sua intenção de voto fica acima do candidato do PT, o senador Lindbergh Farias.

Numa pesquisa em que 25% dos entrevistados não sabem ou não responderam, Crivella obteve 19% das intenções de voto contra 17% de Lindbergh. O ex-governador e deputado, candidato do PR, Anthony Garotinho ficou com 14% e é seguido pelo candidato do PMDB, o vice-governador Luiz Fernando Pezão, com 12%. O ex-prefeito da cidade do Rio de Janeiro, o vereador César Maia, candidato do DEM, fez 9%; e o candidato do PDT, o deputado Miro Teixeira, tem 4%.

A avaliação ótimo/bom da gestão do governador Sérgio Cabral está em 17,5%. Este índice indica que Cabral não se recuperou dos gigantescos protestos ocorridos em junho, nas principais capitais do país, e que no caso do Rio de Janeiro persistem, com manifestações nas proximidades da residência do governador. O Instituto Ideia fez 1.000 entrevistas entre os dias 23 e 26 de agosto. De acordo com a pesquisa os candidatos com menor rejeição são Pezão, Lindbergh e Miro.

(Fonte: Ilimar Franco, O Globo)

Blog " Na curva do Rio" também noticiou

Setembro é mês de inovações na Terceira Via TV

Nomeação de Mauro Silva publicada no Diário Oficial





Portaria N° 2811/2013


A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, no uso de suas atribuições legais, RESOLVE, nomear, com base na Lei nº 8344/13, Mauro José da Silva , para exercer na Secretaria Municipal de Comunicação, o cargo em comissão de Secretário, Símbolo DAS-01, com vigência a contar da data de publicação.


PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, 30 de agosto de 2013
Rosinha Garotinh

Rosinha nomeia vice-presidente da FCJOL




 Prefeita-Portaria N° 1159/2013

A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, no uso de suas atribuições legais, RESOLVE, designar, com base na Lei nº 8.344/13, Maria Helena Gomes da Silva, para exercer na Fundação Cultural Jornalista Osvaldo Lima, o cargo em comissão de Vice - Presidente, Símbolo DAS - 02, com vigência a contar de 28/05/2013.

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, 18 de junho de 2013.
Rosinha Garotinho

Rosinha concede R$ 491.60 de gratificação mensal para os guardas municipais




Lei nº 8.409, de 29 de agosto de 2013. Cria a Gratificação para o cargo de Guarda Civil Municipal 3ª Categoria e dá outras providências.

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI:
Art. 1º- Fica criada a Gratificação mensal para o cargo de carreira de Guarda Civil Municipal no valor de R$ 491,60 (quatrocentos e noventa e um reais e sessenta centavos).
Art. 2º- A gratificação será aplicada sobre a remuneração dos cargos de carreira dos Guardas Civis Municipais 3ª Categoria.
Art. 3º- A gratificação será concedida aos servidores que tiverem assiduidade mensal integral.
Art. 4º- A regulamentação desta lei será feita por Decreto do Poder Executivo, no prazo de 90 (noventa) dias, após a sua publicação.
Art. 5º- A gratificação especial de que trata esta lei não será incorporada aos vencimentos do servidor para efeito de cálculo de aposentadoria.
Parágrafo único - A gratificação será suprimida automaticamente, sem que o beneficiário possa alegar vantagem de direito pessoal ou incorporação a qualquer título, se por qualquer razão deixar
de existir o motivo único e excepcional de sua concessão.
Art. 6º- Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, tendo vigência até a entrada em vigor do Plano de Cargos e Salários da Categoria a serem implementados pelo Executivo Municipal.

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES,
29 de agosto de 2013.
Rosinha Garotinho
- Prefeita - Id: 1552039

"Folha no Ar" entrevista Roberto Henriques




O Deputado Estadual Roberto Henriques será entrevistado hoje, às 16:00, no Programa televisivo “Folha no Ar” apresentado pelo jornalista Rodrigo Gonçalves. O parlamentar irá discorrer acerca de suas ações parlamentares, dentre outros temas de relevância para a sociedade campista o do Estado do Rio de Janeiro..

O programa pode ser visto na Plena TV canal 24 da Viacabo e ouvido através da Rádio Continental de Campos 1270 AM.

Palestra sobre alimentos saudáveis será hoje em SJB‏





A Nutrição tem ganhado muito destaque ao revelar grandes descobertas da importância dos alimentos na vida do ser humano. Quando se fala em alimento, sempre se pensa no Nutricionista. No próximo dia 31, comemora-se o dia deste profissional e devido à importância de suas ações na melhoria da qualidade de vida da população, a secretaria de Saúde de São João da Barra através da coordenação do Programa de Nutrição vai comemorar a data com palestra, na Unidade Básica Félix de Sá, em frente à Santa Casa, no dia dois de setembro, às 13h.

De acordo com a coordenadora do programa, a nutricionista Adriana Imbeloni, será um momento para tirar dúvidas sobre a alimentação das crianças. – Faremos um bate papo com as mães onde iremos passar alguns passos de alimentação saudável para a criançada – frisou.

Segundo Adriana, a alimentação oferecida de maneira correta, especialmente, às crianças contribui para um crescimento saudável e livre de doenças e, com isso, ressalta algumas dicas como: dar somente leite materno até os seis meses sem oferecer água, chás ou quaisquer outros alimentos; a partir dos seis meses oferecer de forma lenta e gradual outros alimentos, mantendo o leite materno até os dois anos de idade ou mais; também a partir deste período dar alimentos complementares como cereais, carnes, leguminosas, frutas e legumes; estipular horários e ensinar a criança a se alimentar de forma fracionada ao longo do dia; além de oferecer uma alimentação variada.

- É necessário que a criança tenha o hábito de ingerir alimentos coloridos contendo verduras e legumes. São ações como esta que contribuem para um indivíduo saudável e com maior qualidade de vida – disse.

Fonte: Assecom da Prefeitura de SJB.

Como é 'Linda' a arte da Política




A Câmara de Campos vive um momento atípico. A chegada da secretária particular de Rosinha para integrar a Casa do Povo é prova de que o cargo de vereador, em nossa cidade, está sendo usado como barganha. Um flagrante desrespeito ao real desejo do eleitor, já externado nas urnas por ocasião das últimas eleições.

Absolutamente nada contra a pessoa da radialista Lindamara. No entanto, a tática do casal Garotinho de contemplar amigos da Corte, valendo-se do instituto da suplência é um verdadeiro 'tapa na cara’ do eleitor.

Nos últimos meses, o casal de ex-governadores mexeu substancialmente nas cadeiras do Legislativo campista, sendo todas as alterações realizadas a fim de agradar aliados que não conseguiram, nas urnas, a função de representar o povo.

Nesse contexto, já deixaram seus eleitores órfãos de representatividade os vereadores Jorge Rangel (secretário de serviços públicos), Fábio Ribeiro (secretário de administração) e, recentemente, Mauro Silva (secretário de comunicação).

Com a lamentável saída de Mauro Silva para a Secretaria de Comunicação do Município, Lindamara Silva assume o cargo deixado por ele. Na prática, o que efetivamente ocorrerá é que a sua função (exercida no gabinete da prefeita) terá como palco a Câmara dos Vereadores.

Além de exercer no Parlamento o que sempre fez no Executivo (ser os olhos da prefeita), Linda - como é chamada a radialista da emissora ‘O Diário’ - representará o voto de cabresto mais fundamentalista que a Casa de Leis em Campos já presenciou.

Isso porque a ascensão de Lindamara não representa a chegada de uma nova legisladora. Representa sim, o poder do casal de ex-governadores de alterar a composição da Câmara como se lá houvesse partidas de futebol.

O que se está vendo é uma troca de titulares pelos reservas sem qualquer satisfação ao público eleitor.

Mais temerário ainda é o detalhe de que a dança das cadeiras não está sendo feita entre os edis e sim, entre um deputado federal, uma prefeita e sua equipe de soldados, movimentando-se entre os tabuleiros de acordo com a conveniência do técnico.

Os vereadores da base estão, na verdade, posicionando-se como uma tropa sempre disponível aos anseios da liderança. Uma liderança que os controla com mãos de ferro, sem oferecer aos detentores de mandato qualquer saída para a independência funcional.

Trata-se de uma base de apoio ao Governo Rosinha, formada por vinte e um agentes públicos em posição de sentido, aguardando que as ordens da cúpula sejam emanadas.

Enquanto isso, os eleitores (que ainda acreditam no mandato de vereador como forma de representação popular) assistem atônitos ao desvirtuado exercício de uma função pública tão importante.

Em verdade, o Poder Executivo e o Legislativo deveriam ser independentes e harmônicos, o que, em Campos, revela-se a contrário sensu.

Na nossa atual conjuntura, esses Poderes estão entrelaçados, amarrados e prontos para ação em conjunto em que pese isso significar total repúdio aos contribuintes, aos eleitores e à sociedade a qual eles deveriam efetivamente representar.

Enfim. O que nos parece é que antes de o eleitor votar para o cargo do Legislativo em Campos, a ele deveria ser disponibilizada a segunda opção. Isso para que de um dia para o outro, ele não ligue o rádio e seja surpreendido com uma transmissão diretamente da Casa do Povo.

Lindo, não?

Cláudio Andrade.

Feijó defende o "humilde" 'Zoinho'



"Em respeito aos meus eleitores, amigos e familiares eu venho me pronunciar sobre matéria publicada na noite de hoje no Fantástico, na Rede Globo. Lamento que a reportagem tenha usado as minhas imagens mesmo não estando envolvido no assunto tratado, conforme o próprio Fantástico destacou. Venho deixar claro que não gostei da maneira agressiva como a equipe de reportagem agiu com o deputado Zoinho.

 Isso aconteceu por volta das 22h30, na saída do plenário, após uma sessão estafante. A equipe chegou gravando, e nem teve a ética de se apresentar ao deputado Zoinho e explicar com calma o tema da matéria. O Zoinho é um homem humilde e o repórter realmente exagerou na abordagem e nas perguntas. 

O deputado tentou finalizar a entrevista e eles continuaram gravando e nos seguindo. Foi isso que me incomodou e motivou a minha atitude, até para preservar o meu colega parlamentar. Eu não gostei e não me arrependo porque esse é o Feijó que vocês conhecem, o Feijó amigo e solidário"

Deputado Paulo Feijó
Via facebook

domingo, 1 de setembro de 2013

Wagner Canhedo é preso em Brasília por sonegação de impostos




BRASÍLIA - O empresário Wagner Canhedo foi preso neste sábado, 31, pela Polícia Civil do Distrito Federal. A prisão decorre de sentença da Justiça de Santa Catarina por sonegação fiscal.

De acordo com o delegado Sérgio Henrique de Araújo Moraes, que interinamente está no comando da Delegacia de Captura e Polícia Interestadual, Canhedo foi condenado a quatro anos, cinco meses e dez dias de prisão. O regime de prisão é semiaberto.

Segundo o delegado, o empresário de 77 anos foi preso no início da manhã em casa, em Brasília. Inicialmente, ele ficará na carceragem da delegacia e depois será transferido para o Centro de Progressão Penitenciária.

Wagner Canhedo era dono da Viação Aérea São Paulo (Vasp), que teve falência decretada pela Justiça paulista em 2008. Em junho deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) confirmou a falência da Vasp, por considerar que não havia como continuar com o processo de recuperação judicial. Atualmente, a família Canhedo controla empresas de ônibus em Brasília.

O Valor